TwitterFacebookGoogle+

UJR realiza coletas pela legalização da UP durante as férias

Militantes da União da Juventude Rebelião (UJR), cercados pelo espírito da construção da Unidade Popular Pelo Socialismo, realizaram entre os dias 3 e 7 de julho, coletas de apoio pela legalização da UP no terminal Jabaquara, Zona Sul de São Paulo.

No mês de férias, a UJR realiza cursos de formação onde a juventude se une para estudar a teoria revolucionária. Nesse mês não tem sido diferente: já foi realizado o curso “100 anos da Revolução Russa”, onde vários jovens se reuniram para conhecer o processo revolucionário russo. Empenhados em alinhar prática e teoria, os jovens decidiram realizar as coletas pela legalização da UP nas manhãs antes do curso, onde conversaram com diversas pessoas e apresentaram as propostas da Unidade Popular diante da crise vivida pelo sistema capitalista.

Todos os dias, os jovens da UJR agitaram o terminal Jabaquara e denunciaram desde a retirada de leite das creches que o prefeito João Dória implementou no começo de sua gestão, até as reformas que o golpista Michel Temer quer aprovar. As pessoas indignadas e insatisfeitas com a situação política brasileira vieram assinar e apoiar a legalização da Unidade Popular.

Em julho, a UP tem a meta de chegar a 300 mil assinaturas de apoio, e só com determinação e muita ousadia de denunciar as atrocidades que vivemos nesse sistema conseguiremos. Ao todo, foram mais de mil assinaturas de apoio ao longo da semana, mostrando mais uma vez que a indignação é coletiva e não apenas individual. Todos estão descontentes com toda essa corrupção e querem construir uma nova alternativa para a classe trabalhadora. E a Unidade Popular é essa alternativa que as pessoas estão dispostas a construir.

Vitória Louise, militante da União da Juventude Rebelião, São Paulo

Print Friendly, PDF & Email
pvc_views:
22

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornais Internacionais

Páginas

Categorias

Especial

Links

Movimentos Sociais e Organizações