TwitterFacebookGoogle+

Estudantes lutam pelo Passe Livre

A União dos Estudantes de Caruaru – UESC, junto com a União da Juventude Rebelião – UJR organizaram no dia 19 de abril, um grande ato pelo Passe Livre, dentro da programação da jornada de luta em homenagem ao estudante Edson Luís, assassinado em 1968, durante a ditadura militar. Com o  sentimento de rebeldia e indignação pela falta de direitos e oportunidades,  mais de 400 estudantes, tomaram as ruas de Caruaru, capital do agreste pernambucano, para denunciarem a arbitrariedade da prefeitura da cidade(PSDB), que de formar arbitrária buscou atender aos interesses do setor empresarial, tirando “gratuidade” dos estudantes da zona rural no transporte público para irem à escola. Milhares de estudantes foram prejudicados e tiveram prejudicado o direito de ir e vir garantidos por lei, como afirma o Guia do transporte escolar “A Constituição Federal de 1988 assegura ao aluno da escola pública o direito ao transporte escolar, como forma de facilitar seu acesso à educação.”

Foram varias passagens em salas de aulas e mobilização em várias escolas, e apesar das dificuldades, principalmente devido à época de provas, a jornada teve uma adesão cada vez maior dos estudantes das instituições de ensino. O Ato teve início no centro da cidade passando pelas principais avenidas da cidade. Com jograis e palavras de ordem, foram lembrados vários estudantes que assim como Edson Luís deixaram exemplos de luta e resistência, bem como foi feita uma homenagem a vereadora Mariele Franco (PSOL).

O ato terminou com uma grande ocupação na prefeitura de Caruaru, onde a UESC e os estudantes deram o recado de que “Direito não se reduz, se amplia” e que já estava mais que na hora de iniciar de forma concreta a discussão do PASSE LIVRE, para todos os estudantes da rede pública. Houve uma reunião com representantes da prefeitura e da DESTRA – autarquia municipal de trânsito e transporte e a UESC.

Na reunião foram tiradas as seguintes propostas: a) Imediata reimplantação da gratuidade dos estudantes da zona rural nos transportes coletivos; b) Instalação de uma comissão para estudar a implantação do passe livre irrestrito para todos os estudantes da rede pública de Caruaru. Comissão essa formada pela UESC, estudantes do IFPE-Caruaru, Gerencia regional de educação GRE- e a  prefeitura de Caruaru, além da DESTRA, empresa responsável pelo trânsito e transporte da cidade.

Essa jornada de luta em Caruaru deixou sem dúvidas grandes lições e a principal delas foi que só através da luta, da mobilização e acima de tudo da organização do nosso povo é possível transformar as coisas para melhor.

UJR de Caruaru

Print Friendly, PDF & Email
pvc_views:
17

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornais Internacionais

Páginas

Categorias

Especial

Links

Movimentos Sociais e Organizações