TwitterFacebookGoogle+

Médicos da Atenção Primária deflagram greve no Rio de Janeiro.

Os médicos que atendem os serviços da Atenção Primária da Saúde na cidade do Rio de Janeiro entraram em greve devido ao sucateamento promovido pelo governo Crivella. 

Raphael Assis 

Diretório Estadual da Unidade Popular RJ 


Foto: Jornal A Verdade

Na última quarta-feira (14), os médicos que compõem a Atenção Primária da Saúde da cidade do Rio de Janeiro entraram em greve, em resposta aos recentes ataques que a categoria vem sofrendo, caracterizados por atrasos de salários, má gestão da jornada e locais de trabalho, resultado de uma política de desmonte da Saúde Pública implementada pelo prefeito Crivella. 

Reunidos em um grande ato, em frente à Prefeitura as categorias que atuam na Atenção Primária à Saúde, médicos, psicólogos, técnicos de enfermagem, enfermeiros, agentes comunitários de saúde, dentre outras, realizaram assembléia, e declararam greve, reivindicando soluções imediatas do prefeito, não só quanto aos atrasos de salários, mas também no que diz respeito ao programa de Residência em Medicina da Família, o qual ainda não é regulamentado por lei; ao atraso nas contratações de vagas ociosas de trabalho; bem como ao deslocamento irresponsável que se faz de médicos entre locais de trabalho, o que descaracteriza a natureza da prestação de serviços na Saúde da Família, para suprir uma demanda de postos de serviço que nem deveria existir. 

Isso tudo nos mostra o quão legítima é a luta da categoria da saúde no Rio de Janeiro. Até porque o que nos garante que os problemas enfrentados pelos servidores da Atenção Primária não são resultado de um desmonte proposital da Saúde Pública, com o intuito de beneficiar monopólios privados que oferecem o serviço? 

É preciso lutar, assim como tem feito o Sindicato dos Médicos do RJ em unidade com diversas outras categorias da Saúde Pública, pela manutenção do nosso direito a ter acesso à Saúde pública,  gratuita e de qualidade. Não podemos permitir nenhum tipo de retrocesso quanto a isso!

Print Friendly, PDF & Email
pvc_views:
6

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornais Internacionais

Páginas

Categorias

Especial

Links

Movimentos Sociais e Organizações