TwitterFacebook

Prefeitura de Porto Alegre ataca a Casa de Referência Irmãs Mirabal

Em nota, Movimento de Mulheres Olga Benario denuncia ação da prefeitura contra a Casa de Referência para a Mulheres Irmãs Mirabal.

NOTA – “Nesta tarde foi cortada a luz da Casa de Referência Mulheres Mirabal, sem nenhum aviso ou explicação. O local onde estamos hoje foi cedido pela Prefeitura de Porto Alegre e pelo Estado, mas hoje a Prefeitura se nega a dialogar com o Movimento que constrói a casa de acolhimento e abrigamento de mulheres vítimas de violência. Estamos tentando diálogo e regularizar nossa situação com os entes públicos desde 2016, mas ainda sem sucesso. A gestão retrógrada e violenta que hoje é encabeçada por Nelson Marchezan Junior não dialoga e buscamos junto ao Estado uma solução, apesar de Eduardo Leite (PSDB) destinar para as políticas públicas para as mulheres do RS em 2020 apenas R$20.000,00.Isto é mais uma violência que temos que passar, nos colocando sob risco e em condições indignas de viver. Estamos nesse momento buscando resolver a situação e exigimos que nossa Casa seja regularizada”.
Print Friendly, PDF & Email
pvc_views:
130

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornais Internacionais

Páginas

Categorias

Especial

Links

Movimentos Sociais e Organizações