TwitterFacebookGoogle+

PCMLE: Os povos do Equador obtiveram uma importante vitória

Comunicado urgente do Comitê Central do Partido Comunista Marxista-Leninista do Equador (PCMLE).

Foto: AA

Os povos do Equador obtiveram uma importante vitória após o levante popular dos últimos onze dias. Fizemos o governo recuar, apesar de toda a brutal repressão e do apoio da direita e do imperialismo. O sr. Lenín Moreno acreditava que poderia impor facilmente seu pacotaço econômico neoliberal. No fim, foi obrigado a revogar o Decreto 883 e apresentar um novo texto.

Os resultados desta luta só foram possíveis pela magnitude dos protestos, sua combatividade e pela unidade de ação das forças populares. Lutamos ao lado do movimento indígena, dos trabalhadores, da juventude, das mulheres, professores, moradores dos bairros pobres, pequenos comerciantes e camponeses. Todo o povo se levantou. Vale destacar a combatividade e o arrojo da juventude, que desempenhou o papel de tropa de choque neste combate, e a ação das mulheres indígenas que, mais uma vez, demonstrou sua valentia.

Nossas organizações cumpriram seu papel nesta luta, e o Partido e a Unidade Popular (UP) ocuparam lugar de destaque nesse processo.

A Greve Geral, defendida há vários meses, foi um marco desta jornada. Nosso Partido jogou um papel importante na condução da ação da Frente Unida dos Trabalhadores (FUT). O governo, a direita e a política do FMI foram derrotados. A imagem do governo está totalmente afetada. Seus principais ideólogos – Jarrín e María Romo – também se desgastaram. Seguimos exigindo que renunciem imediatamente! Continuaremos desgastando a imagem do Vice-Presidente e do Ministro da Economia, e denunciando a brutal repressão da polícia e do Exército.

Os povos em luta derrotaram o Estado de Exceção, o Toque de Recolher e a desinformação dos grandes meios de comunicação da burguesia.

As intenções do Correísmo não foram alcançadas, apesar de todos os esforços que fizeram. Seus planos golpistas foram derrotados e sua imagem sai desse processo ainda mais desgastada.

É indispensável difundir entre o povo a importância e a transcendência da unidade e da luta para a obtenção desta vitória.

Esta jornada coloca o movimento popular numa nova situação ideológica e política. Melhores condições para seu desenvolvimento estão colocadas. Nós, enquanto Partido, devemos fazer todos os esforços para ampliar nossas forças.

Devemos avaliar em nossas organizações e nas organizações de massas, sindicatos, associações, comunas, cooperativas, etc., o significado desta luta e defender a necessidade de novas ações. As assembleias populares criadas nestes dias precisam ser mantidas e fortalecidas para que se tornem espaços de debate e definição de ações futuras.

Destacamos a solidariedade internacional, as mensagens e ações neste sentido que foram promovidas em vários países.

Comitê Central do PCMLE, 13 de outubro de 2019.

Print Friendly, PDF & Email
pvc_views:
9

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornais Internacionais

Páginas

Categorias

Especial

Links

Movimentos Sociais e Organizações