UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2023

CATEGORIA

Últimas Notícias

Viamobilidade promove mais um dia de caos nos trens paulistas

Falha na rede elétrica da estação Imperatriz Leopoldina teria afetado a circulação. MP já pediu devolução da operação das linhas para o serviço público.

20 anos da lei 10.639 e a educação antirracista

A lei 10.639/03 representou grandes avanços para superar uma falsa ideia de que o negro nada tinha de contribuição para a cultura nacional, sendo...

Trabalhadores de aplicativos realizam manifestação exigindo direitos em Porto Alegre 

Ato faz parte da mobilização nacional que teve como principal pauta o reajuste da categoria, que há anos sofre com a precarização e falta...

Polícia Federal identifica mandante dos assassinatos de Bruno e Dom

Indigenista brasileiro e do repórter inglês foram mortos em 2022 por lutarem em defesa dos povos indígenas e do meio ambiente.

Torturadores são condenados a pagar R$1 milhão por crimes na Ditadura Militar

Delegados do DOI-Codi assassinaram ao menos 25 pessoas durante a década de 1970, incluindo o jornalista Vladimir Herzog. No Brasil, ainda não houve ainda...

Quem são os responsáveis pelo golpe fascista do dia 8 de janeiro?

Luiz Falcão | Comitê Central do PCR EDITORIAL - O decreto de Estado de Defesa, pronto para ser assinado por Bolsonaro, que a Polícia Federal...

Terrorismo nas sedes dos Três Poderes em Brasília: sem punição não terá fim

O vandalismo nas sedes dos Três Poderes no ultimo dia 8 de janeiro, os graves indícios de empresários do agronegócio que haviam financido os...

Genocídio Yanomami: governo Bolsonaro ignorou 21 pedidos de socorro

Ao menos 570 crianças Yanomami morreram durante os quatro anos do governo Bolsonaro. Nesser período, foram registraram 21 pedidos de ajuda ao Governo Federal, Ministério Público Federal, Funai e Exército relatando um cotidiano de terror promovido por garimpeiros e madeireiros nas terras indígenas. Nenhum pedido foi atendido.

Prefeitura de São Paulo quer privatizar Casas de Cultura

A capital possui 20 Casas de Cultura, que fornecem acesso a cursos e oficinas, shows e espetáculos para as populações dos bairros periféricos ou afastados do centro.

As ocupações do Movimento de Mulheres Olga Benario: exemplos de organização popular

O movimento realiza ocupações de mulheres no Brasil todo para denunciar os altos índices de violência contra as mulheres. Contribua pelo https://apoia.se/pelavidadasmulheres

Campanha Natal Sem Fome em São Paulo, vamos relembrar essa luta

A ação Natal Sem Fome ocorreu em 10 estados e foi organizada para enfrentar a falta de acesso a uma alimentação adequada para milhares de pessoas no Natal.

Recente