UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

domingo, 2 de outubro de 2022

Passeata contra o aumento das tarifas de transporte no Rio de Janeiro

Nos primeiros dias de dezembro, o prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes anunciou que junto às empresas de ônibus aumentaria a tarifa em ao menos R$0,20 (vinte centavos) já no início de 2014. A população do Rio, que aprendeu com as jornadas de junho que a luta conquista, não esperou que os desejos do prefeito se tornassem realidade e foi às ruas na sexta-feira, 20 de dezembro.

Cerca de mil pessoas se reuniram no protesto que fechou completamente vias principais da centro da cidade e passou pela sede da Fetranspor (federação dos empresários que controlam o transporte público no Rio), e pela Assembléia Legislativa.

Além das palavras de ordem contra o aumento da passagem e pelo passe-livre, os manifestantes saíram em apoio à ocupação Aldeia Maracanã, que foi despejada mais uma vez na última semana, denunciaram os gastos da Copa, e reivindicaram o fim da Polícia Militar.

Os organizadores e participantes do protesto garantiram que essa será a primeira de muitas manifestações, que seguirão até que o povo do Rio conquiste nova vitória e barre mais este roubo de direitos, o aumento das tarifas de transporte.

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes