TwitterFacebook

Partidos políticos e movimentos sociais impedem invasão da Embaixada da Venezuela

Membros da embaixada da Venezuela manifestaram apoio a Maduro em cerimônia para comemorar a independência do país latino americano – celebrada no dia 5 de julho. Foto (Pedro Rodrigues)

Por redação Brasília

No dia em que a República Bolivariana da Venezuela celebra a data de sua independência – 5 de julho – o corpo diplomático da embaixada realizou uma homenagem ao ex-presidente Hugo Chávez e em defesa do governo do Nicolás Maduro, apontando pela soberania da Venezuela frente ao bloqueio econômico imposto pelos Estados Unidos.

Segundo um dos membros do corpo diplomático: “Estes que tentam e que sabotam a revolução bolivariana são os verdadeiros inimigos do povo venezuelano, os verdadeiros inimigos dos ideais de Simon Bolívar“,

Golpistas venezuelanos em frente à embaixada

Um grupo de caráter fascista ligado ao golpista Juan Guaidó, autoproclamado presidente da Venezuela, tentou invadir a embaixada Venezuelana em Brasília. Com cartazes escritos “devolvam nossa embaixada” os golpistas tinham como objetivo retirar o corpo diplomático representante do governo legítimo de Nicolás Maduro da embaixada.

Cientes da tentativa golpistas, movimentos sociais – Comitê Anti-Imperialista General Abreu e Lima, Comitê Popular Fora Bolsonaro e partidos políticos (UP, PT, PCB e PCO) se organizaram na frente da embaixada para resistir à invasão golpista e defender os legítimos representantes diplomáticos da Venezuela.

Com o apoio do imperialismo ianque, golpistas tentam sabotar, o governo legitimamente eleito de Nicolás Maduro que há anos faz um forte enfrentamento ao imperialismo na América Latina. O governo Bolsonaro, cumprindo o papel de lacaio dos Estados Unidos decidiu por não reconhecer o corpo diplomático indicado por Maduro e legitimar em seu lugar um grupo indicado pelo golpista Juan Guaidó. Bolsonaro chegou inclusive a ordenar a saída dos embaixadores de Maduro do território brasileiro, que permanecem ainda em nosso território graças a uma liminar do STF.

O povo brasileiro segue organizado e solidário aos nossos irmãos latino americanos na luta contra qualquer tipo de golpe que prejudique os interesses do povo que luta para defender seu governo de caráter popular.

Façamos também em nosso país a luta para derrubar o governo fascista de Bolsonaro e construir em seu lugar um governo popular, socialista, que ponha fim à exploração em nosso país e seja um baluarte para a revolução latino Americana.

 

Print Friendly, PDF & Email
classic-editor-remember:
classic-editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornais Internacionais

Páginas

Categorias

Especial

Links

Movimentos Sociais e Organizações