TwitterFacebook

Precisamos da revolução tecnológica junto da revolução socialista

(Imagem: Jacobin Brasil / Reprodução)

por Ana Júlia Lopes | UJR- SP

CARTA – No curso de engenharia me deparei com um vídeo sobre a 4ª Revolução Industrial. Medo, preocupação, ansiedade e animação, foram os sentimentos que me vieram. Um frio na barriga intenso, uma vontade de gritar. Como o capitalismo consegue ser tão hipócrita? Um sistema que funciona com a grande acumulação e concentração de capital nas mãos de poucas pessoas, ao mesmo passo em que todo o restante da população precisa vender sua força de trabalho para ter, minimamente, o necessário para subsistir. A Revolução Tecnológica servirá para quem? Quantos de nós teremos acesso? Me diz qual trabalhador do chão de fábrica vai comprar um carro que anda sozinho, na base da energia elétrica? Essas automatizações das funções humanas realmente facilitariam todos os processos existentes, mas nessa sociedade, a revolução tecnológica jogará a grande maioria da população- nós proletários- na miséria, nas várzeas desse sistema, mais do que já estamos.  

Hoje a sociedade encara a fome, são cada vez mais pessoas no quadro de extrema pobreza, o desemprego batendo recorde, nas periferias falta saneamento básico, os leitos de UTI com sua lotação ao máximo em meio a pandemia. O povo clama por oxigênio! Enquanto isso, os burgueses falam de agricultura urbana, de super celulares. Querem substituir os trabalhadores por máquinas para nos jogar para fora da cidade que eles dizem que é deles. Ora, mas não somos nós que construímos tudo o que existe? Não serão os trabalhadores que conduzirão as máquinas para produzir essas automações? Eles acham que estão cavando o nosso buraco. Mas Newton afirma que para toda ação existe uma reação. Enquanto lucram e enriquecem às nossas custas, alimentam de ódio o exército que vai derrubá-los, que vai produzir para toda uma nova sociedade essas tecnologias, que hoje, só servem a eles. 

Precisamos de uma Revolução Tecnológica, junto com a Revolução Socialista. Precisamos investir em ciência, estudar, criar tecnologias, facilitar e automatizar os processos. Precisamos fazer isso porque não podemos deixar que eles roubem nossa ciência, nossa educação, nosso futuro. Coloquemos em nossas mentes que podemos usar as tecnologias ao nosso favor. Sejamos nós engenheiros químicos, mecânicos. Sejamos artistas ou professores. O futuro será tecnológico, o futuro será socialista. E lá, aplicaremos tudo aquilo que, hoje, aprendemos.

Print Friendly, PDF & Email
classic-editor-remember:
classic-editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornais Internacionais

Páginas

Categorias

Especial

Links

Movimentos Sociais e Organizações

%d blogueiros gostam disto: