UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

terça-feira, 28 de maio de 2024

Curso de Teoria Marxista em Petrolina

Nas três noites do curso, que ocorreu de 16 a 18 de agosto, o público acompanhou atentamente as aulas e participou ativamente com perguntas e comentários, tornando o evento num grande espaço de formação política revolucionária.

Bruno Melo | Petrolina-PE


O Curso de Introdução à Teoria Marxista, na UPE de Petrolina, foi um sucesso. Com a participação de 41 pessoas, o evento trouxe para o público os princípios do Socialismo Científico, teoria desenvolvida pelos alemães Karl Marx e Friedrich Engels, que além de pesquisadores foram militantes revolucionários.

No último dia 16 de agosto, primeiro dia do curso, a professora Ana Maria, do colegiado de Geografia da UPE de Petrolina, palestrou sobre a luta das mulheres pela sua emancipação e as contribuições do marxismo sobre o feminismo. Segundo ela, “não existe emancipação da mulher dentro do capitalismo”.

No segundo e terceiro dia, o jornalista Rafael Freire, editor nacional do jornal A Verdade, palestrou sobre as lições do livro Manifesto do Partido Comunista (Marx) e Do Socialismo Utópico ao Socialismo Científico (Engels). Ele afirmou que “Engels considerava Marx um gênio porque ele enxergava a frente do seu tempo, tendo descoberto a mais-valia como instrumento de exploração sobre a classe trabalhadora e acumulação privada de riqueza, apontando as origens das crises econômicas e da libertação do proletariado”.

Nas três noites do curso, que ocorreu de 16 a 18 de agosto, o público acompanhou atentamente as aulas e participou ativamente com perguntas e comentários, tornando o evento num grande espaço de formação política revolucionária. Foi debatido um pouco da história da União Soviética, da Comuna de Paris, da biografia de Marx e Engels, das lutas populares no Brasil e na América Latina.

As edições Manoel Lisboa expuseram, ao longo do curso, vários títulos, incluindo obras marxistas e o jornal A Verdade. A organização ficou a cargo da União dos Estudantes de Pernambuco (UEP), União da Juventude Rebelião (UJR), com o apoio do Centro Acadêmico de Geografia da UPE de Petrolina, núcleo municipal da Unidade Popular e do núcleo municipal do movimento Olga Benário. Os presentes também puderam se deliciar, em duas noites, com um delicioso caldo de frango, produzido pelos integrantes do CA de Geografia da UPE.

 

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes