UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

sexta-feira, 2 de dezembro de 2022

MOSTRANDO RESULTADOS PARA:

Avança a militarização das guardas municipais nas regiões metropolitanas

Quem mais sofre e perde é a classe trabalhadora. São principalmente a juventude pobre, as mães que enterram seus filhos. É com essa política que cresce o encarceramento em massa que em nada resulta em uma maior segurança para a população. Muito pelo contrário, formam-se mais facções e mais guerra, cenário perfeito para os ricos que lucram em cima da violência. Todo esse aparato, esses uniformes, essas boinas, esses braçais essas armas não servem para reduzir a violência nas grandes cidades. Quem acredita que assim vai reduzir o número de homicídios, combater o tráfico de drogas ou diminuir o número de furtos e roubos, está enganado e comete um erro ao defender uma política do extermínio e da morte. Como bem disse e ilustrou o revolucionário Ernesto Che Guevara " a farda modela o corpo e atrofia a mente".

Novidades