UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

segunda-feira, 28 de novembro de 2022

MLC se prepara para encontro continental de sindicalistas

Com o objetivo de criar uma instância de debate para a classe operária latino-americana que defende um sindicalismo de classe, à base dos princípios revolucionários, foi criado, em 1998, o Encontro Latino-Americano e Caribenho de Sindicalistas (ELCS).

Neste ano, a 8ª edição do Encontro, que será realizado nos dias 18, 19 e 20 de novembro, em Santo Domingo, capital da República Dominicana, traz como tema central “A crise do sistema capitalista: formas de organização, níveis de unidade, demandas e alternativas atuais da classe trabalhadora”.

A atual crise geral do capitalismo, iniciada em fins de 2008, continua estremecendo as estruturas e superestruturas do sistema. Sacudiu os alicerces econômicos, políticos e sociais da engrenagem burguesa das principais potências imperialistas, contaminando, num verdadeiro efeito dominó, todo o mundo. As repercussões dessa crise levaram a uma situação diferente no comportamento das classes sociais, no papel das instituições burguesas e na correlação de forças em diferentes níveis por todo o mundo.

Particularmente sobre a classe operária recaiu o maior peso desse processo, pois os governos imperialistas saquearam os cofres públicos, retiram direitos trabalhistas, achataram os salários e provocaram ondas de demissões para salvar os bancos e monopólios da quebradeira total. Daí a necessidade de aprofundar neste 8º ECLS tal tema.

Aqui no Brasil, o Movimento Luta de Classes (MLC) está organizando uma delegação para participar do evento, levando também nossa experiência de luta como contribuição ao debate. Na edição anterior, em 2009, na Venezuela, já estivemos presentes e agora mais companheiros e companheiras realizam os últimos preparativos para a viagem.

Desta forma, convocamos toda a militância do MLC a se mobilizar para apoiar materialmente a ida de nossa delegação ao Encontro, bem como de difundir amplamente sua realização e sua linha política, que reafirma o papel histórico da classe operária para umas transformação radical da sociedade, pela construção de um novo poder, o poder proletário e o socialismo para toda a América Latina e o mundo.

Coordenação Nacional do MLC

Outros Artigos

1 COMENTÁRIO

  1. é isso mesmo temos que nos mobilizar e construir com muita disposição esse momento de discussão para este evento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes