UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

domingo, 3 de julho de 2022

Trabalhadores garantem apoio ao SindMassas

SINDMASSASOs trabalhadores da Empresa Vilma Alimentos, localizada na cidade de Contagem, em Minas Gerais, aderiram à campanha que exige da empresa reconhecimento do SindMassas como o representante legítimo da categoria nas negociações entre trabalhadores e patrões. O reconhecimento se deu através do abaixo-assinado. Em apenas três dias, foram colhidas mais de 300 assinaturas, mostrando que o sindicato deve ser construído e reconhecido principalmente pela sua base.

A Vilma é uma das maiores empresas do ramo de Alimentos no Brasil, a maior do Estado. Seus produtos são comercializados nas regiões Sudeste, Sul, parte do Norte e Nordeste. Seu faturamento, em 2012, chegou à R$ 470 milhões, e a previsão é fechar 2013 com um lucro de R$ 550 milhões. Enquanto isso, os trabalhadores da empresa recebem um salário miserável de R$ 700,00, em média, e recebem uma Participação nos Lucros e Resultados (PLR) de R$ 170,00, dividido em duas parcelas.

Mas a exploração não está concentrada apenas nos baixos salários. Há inúmeros trabalhadores que exercem seu trabalho em alto forno, chegando a uma temperatura de 60 graus, e não recebem insalubridade nem periculosidade. Além disso, o trabalhador que faltar uma vez no mês, mesmo apresentando atestado médico, perde o direito à cesta básica, não recebendo a mixaria da PLR no final do ano.

Cansados da omissão do antigo sindicato que tudo aceitava de cabeça baixa, os trabalhadores apoiam as ações desenvolvidas pelo novo sindicato, o SindMassas. As assinaturas continuarão a ser colhidas durante e serão anexadas à documentação que obrigará as empresas de Contagem a assinar o Acordo Coletivo com o SindMassas. Assim fica claro que os trabalhadores entendem que só a sua luta e a sua organização pode melhorar suas condições de vida e poderão ter melhores salários e condições de trabalho.

Diretoria do SindMassas-Contagem

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes