UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

quarta-feira, 7 de dezembro de 2022

Marcha em Belém exige fim dos despejos

MARCHA BELÈMNo dia 28 de agosto, os movimentos de luta e defesa da Reforma Urbana tomaram as ruas do Brasil para se manifestar e cobrar a realização de uma reforma urbana.

Nossas cidades não podem continuar atendendo somente ao interesse de poucos. Temos direito a cidades com moradia digna, transporte público de qualidade, trabalho decente, educação, saúde e cultura.

Em Belém do Pará, a Marcha pela Reforma Urbana reuniu cerca de 200 pessoas na Rodovia Augusto Montenegro, com concentração na entrada do Conjunto Satélite e caminhada rumo ao Palácio dos Despachos para a entrega da plataforma de reivindicações ao Governador Simão Jatene.

Uma comissão de sete pessoas foi recebida pelo subchefe da Casa Civil que cobrou uma audiência com o governador. As principais reivindicações apresentadas pelos movimentos foram
eleição e posse do Conselho Estadual das Cidades e do Fundo Estadual de Habitação de Interesse Social; implementação da política estadual de habitação; adesão do Pará ao Programa Federal Mais Médicos; constituição e funcionamento imediato de uma Comissão Estadual de Prevenção a Despejos Forçados de acordo com orientações do Ministério das Cidades, com a suspensão imediata de todas as remoções; conclusão de todas as obras paradas. Após a mobilização, o Governo assumiu compromisso de realizar audiência com o Movimento de Reforma Urbana até o dia 10 de setembro, antes da Conferencia Estadual das Cidades.

Fernanda Lopes, Belém

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes