UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

domingo, 25 de setembro de 2022

Greve na construção civil em Caruaru

A Assembleia Geral dos trabalhadores da construção civil de Caruaru  aprovou  greve geral por tempo indeterminado, a partir do dia 3 de dezembro, em todos os canteiros de obra de Caruaru.MLC - Movimento Luta de Classes

Foi uma grandiosa e histórica assembleia geral que contou  com a participação de trabalhadores de diversos canteiros de obras,  realizada no dia 28 novembro, no auditório Gregório Bezerra, sede do Sintracon.

Era grande a empolgação dos trabalhadores que aguardavam o retorno dos diretores do sindicato que estavam no Ministério do Trabalho discutindo com os patrões a pauta de reinvindicações.

A empolgação transformou-se em  indignação e tomou conta de todos os  trabalhadores quando Zé Henrique, presidente  do Sindicato, começou a falar que, há mais de um ano, os operários não recebem nenhum centavo de aumento de salário e que a data-base da categoria já passou faz tempo e que, apesar de três rodadas de negociação, os patrões não melhoram em nada sua proposta.

 A última proposta colocada em mesa de negociação pelo patronal foi uma verdadeira provocação com o objetivo de humilhar os trabalhadores de Caruaru, deixando entender que somos profissionais inferiores aos de outras cidades quando ofereceram um salário menor do que os salários pagos em Recife, Santa Cruz, Petrolina e Garanhuns. Isso é um verdadeiro abuso!

O café da manhã regional, o feriado da segunda-feira de Carnaval e as melhorias das nossas condições de trabalho eles não querem nem discutir.

A resposta dos trabalhadores não demorou e veio num sonoro coro “GREVE. GREVE. GREVE!

Samuel Timoteo, Caruaru

Outros Artigos

4 COMENTÁRIOS

  1. Oi pessoal
    Esse site é mesmo surpreendente, queria dar os parabéns pelo trabalho de vocês.
    Sempre é bom obter novos conhecimentos, obrigado ;)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes