UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

domingo, 25 de setembro de 2022

Trabalhadores da indústria têxtil de Ipojuca (PE) iniciam campanha salarial

Textil 04No dia 15 de agosto, os trabalhadores da Indústria Têxtil de Ipojuca-PE realizaram uma assembléia na frente da CITEPE (Companhia Integrada Têxtil de Pernambuco), empresa que faz parte do complexo industrial Químico/Têxtil – Petroquímica Suape (complexo portuário de Suape – PE), para dar início à campanha salarial 2014/2015. Com a participação de dezenas de trabalhadores nas entradas e saídas dos turnos, a assembléia aprovou a pauta de reivindicação da categoria para a Convenção Coletiva do Trabalho – CCT (campanha salarial) e também a pauta do Acordo Coletivo do Trabalho (ACT), que será entregue ao sindicato patronal e à empresa.

Segundo o SINDTÊXTIL-Ipojuca (Sindicato dos Trabalhadores de Indústrias Têxteis de Ipojuca e Região), a campanha salarial acontece em um momento em que a CITEPE vem ampliando sua conquista no mercado. “Hoje o projeto nem chegou a 70% de toda obra e os investimentos duplicaram, e nada dessa estrondosa quantia ser revertida para melhoria da qualidade de vida e dos salários dos trabalhadores dessa companhia” afirmou o presidente do sindicato, Rodrigo Rafael. O destaque vai para os investimentos no complexo portuário, que já passam de R$ 8 bilhões, quando a previsão inicial era de R$ 4 bilhões.

“Nesta Campanha Salarial a empresa não poderá argumentar que está em crise e que não tem como atender nossas reivindicações. O setor têxtil recebeu incentivo do governo federal sobre os tributos na folha de pagamento; o setor está isento da cobrança de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para importação de maquinário pelos portos e aeroportos; sem falar que hoje a empresa é subsidiária da Petrobrás. Por tudo, os trabalhadores têm de receber sua parte”, afirma a tesoureira do sindicato, Alais Santos.

Neste ano, o sindicato reivindica uma equiparação salarial com os trabalhadores do mesmo ramo, com um piso salarial de R$ 862,13 e salário de operador I de R$ 1.200,00 reais. Também está em pauta a redução da jornada de trabalho, equiparação no ticket alimentação praticado pelas empresas do complexo de Suape (R$ 350,00), além de ampliação e renovação das cláusulas sociais, entre outras reivindicações.

“A Campanha Salarial é o momento em que os trabalhadores e sindicato, em conjunto, discutem e estabelecem as principais reivindicações da classe”, afirma o presidente. “Esse ano, o sentimento dos trabalhadores é equiparável ao sentimento da histórica greve de 2011, que garantiram várias conquistas econômicas e sociais para a categoria. É com esse espírito de luta e união da categoria que garantiremos uma campanha salarial vitoriosa! Somente com a participação e mobilização de todos é que poderemos barrar a intransigência dos patrões”, afirmou Rodrigo Rafael.

Departamento de Imprensa do  SINDTÊXTIL-Ipojuca

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes