UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

domingo, 3 de julho de 2022

55 mil acidentes de máquinas matam ou incapacitam trabalhadores

acidente máquinaOs dados das Comunicações de Acidentes de Trabalho ao Instituto Nacional de Seguridade Social, INSS, são impressionantes. Apenas 11 tipos de máquinas e equipamentos utilizados sem as medidas de segurança adequada foram responsáveis por 55.118 acidentes que levaram à morte ou incapacitaram trabalhadores no Brasil. Esses números mais parecem estatística de guerra!

De fato não são apenas acidentes, mas sim um descaso homicida provocado pela ânsia de lucro dos grandes empresários que desrespeitam a legislação e não cumprem a Norma Reguladora número 12, a NR 12, que determina as medidas de segurança a serem implementadas. Mas não apenas não cumprem, mas como têm atacado a NR 12 com o objetivo de eliminá-la.

Em artigo publicado no site Repórter Brasil pelo juiz do Trabalho em Santa Catarina  Alessandro da Silva e pelo auditor fiscal do Trabalho Vítor Araújo Filgueiras eles afirmam: ”A redação atual da NR 12 já está em vigor há quase quatro anos, e muito antes vigiam normas técnicas da ABNT e instruções normativas do MTE que incorporavam as exigências constantes na atual NR 12. Ou seja, além de ter sido negociada com a participação do patronato por anos, a redação de 2010 da NR 12 não traz novidades ao que já era tecnicamente previsto e aplicado pelas instituições regulatórias. Depois de tantos anos de amputações e mortes, qualquer adiamento ao cumprimento da NR 12, qualquer que seja o eufemismo adotado para designá-lo, efetivamente implicará a assinatura da permissão de acidentes, perda de entes queridos e sofrimentos de milhares de famílias dos setores mais vulneráveis da nossa sociedade.”

Fica claro, portanto, como se comporta a burguesia em sua sede desenfreada de lucro. Promove a morte e mutila dezenas de milhares de seres humanos para manter suas mansões, iates e todo seu luxo. Não se importa com que famílias fiquem sem seus entes queridos e ainda usa hipocritamente o argumento de que, com o fim da regulamentação, seriam criados mais postos de trabalho. Para quê? Mais mortes e mais lucros!

Redacão RN
Com informações de reporterbrasil.org.br

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes