UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

sexta-feira, 1 de julho de 2022

Obra de Taiguara em biografia

TaiguaralivroO ano de 2014 tem sido um marco importante para debater os 50 anos da ditadura militar no Brasil e seus desdobramentos em todos os campos da nossa sociedade. Esse mês de outubro a gravadora Kuarup lança a biografia de Taiguara, intitulada “Os Outubros de Taiguara. Um Artista Contra a Ditadura: Música Censura e Exílio”, da jornalista carioca Janes Rocha. A Kuarup é a responsável pelo acervo do cantor e relançou ano passado, o disco “Imyra, Tayra, Ipy-Taiguara”, que foi totalmente censurado e tirado das lojas em 1976 após 72 horas do lançamento.

Se vivo, Taiguara estaria completando 69 anos, porém nos deixou em decorrência de um câncer há 18 anos completos esse ano. Nesse sentido, o lançamento de sua biografia não só acende o debate sobre a ditadura militar e a censura (Só o AI5, que durou 10 anos, censurou 500 filmes, 450 peças teatrais, 200 livros, e vetou mais de 500 letras) como resgata essa obra militante, dotada ao mesmo tempo de um lirismo impressionante e uma musicalidade rara.

O livro aborda como a censura voltou-se contra o artista, que teve que se exilar em Londres, Tânzania e na Africa, chegando ao absursdo de, sequer poder enviar cartas aos familares. Ao todo, 81 letras de Taiguara foram censuradas e a perseguição não terminou com o fim do regime: em 94, já de volta ao Brasil, ele lançou seu ultimo disco (Brasil Afri) que também não foi aceito pelas grandes gravadoras da época, interessadas no “novo mercado” do Pagode e do sertanejo em detrimento da MPB.

Na realidade toda a obra de Taiguara sofreu um processo de apagamento e hoje, graças ao desenvolvimento da internet e das redes sociais, é possível encontrar os discos do artista, sua história e um material relevante para quem deseja conhecer um pouco mais desse grande artista e lutador social. Além do livro Os outubros de Taiguara, a Kuarup vai lançar um CD com músicas inéditas do cantor, intitulado “Ele Vive”, canção feita em homenagem a Luís Carlos Prestes, a quem Taiguara dedicou grande amizade, sobretudo nos anos 80.

E essa não é a primeira iniciativa para recuperar o devido lugar que a obra de Taiguara merece: em 2011 um CD com a participação de diversas cantoras de nossa MPB (A Voz da Mulher na Obra de Taiguara) foi sucesso de crítica e teve destaque, como a versão da música “Universo do Teu Corpo”, classico dos anos 70, colocada na novela Amor e Revolução do SBT. O livro será lançado esse mês de outubro e, sem dúvida, será um divisor de águas e uma boa fonte de pesquisa sobre o que foi a arte engajada contra a famigerada ditadura militar no Brasil.

Mais informações nos endereços eletronicos abaixo:

 http://www.taiguara.art.br/index.html

http://www.kuarup.com.br/index.php/kuarup-lanca-em-outubro-cd-postumo-de-taiguara-e-livro-contando-a-trajetoria-do-cantor-e-compositor

Cloves Nascimento – PE

 

 

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes