UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

sexta-feira, 1 de julho de 2022

Realizada feijoada de apoio a Unidade Popular pelo Socialismo

Feijoada da UPS 1No dia 25 de outubro foi realizada em Recife-PE, uma feijoada de apoio à construção do Partido UNIDADE POPULAR PELO SOCIALISMO, o evento contou com dezenas de pessoas, em clima de confraternização e disposição para construção do Partido. Nesta atividade participaram trabalhadores e trabalhadoras, estudantes e militantes dos movimentos sociais organizados. Atualmente é necessário fazer uma grande campanha, pois apesar de já ter sido preenchido cerca de 2.500 Fichas de Apoiamento na região metropolitana do Recife, precisamos ampliar pelo interior do estado, a tarefa não é fácil, pois é preciso quase 500 mil assinaturas na Ficha de Apoiamento em no mínimo nove estados brasileiros.

 O Partido UNIDADE POPULAR PELO SOCIALISMO defende o fim da sociedade capitalista e entre as suas propostas para este exito defende: 1) Controle social da economia para atender às necessidades da população e acabar com as  desigualdades regionais e sociais; 2) fim da espoliação imperialista sobre a economia nacional; 3)Garantia de emprego e trabalho para todos e proibição do trabalho infantil; 4) Ampla reforma agrária; nacionalização da terra e fim do monopólio privado da terra; 5) Anulação dos impostos extorsivos cobrados do povo; imposto sobre as grandes fortunas e progressivo; 6) Estatização de todos os meios de transporte coletivo; 7) Educação pública e gratuita para todos e em todos os níveis; garantia de livre acesso do povo à universidade e/ou cursos técnicos profissionalizantes; 8) Democratização dos meios de comunicação; 9) Fim da discriminação das mulheres; direitos iguais; fim do racismo e da discriminação dos negros e punição aos infratores; firme combate à exploração sexual de mulheres e crianças; 10) Fim de qualquer discriminação religiosa, de raça ou sexo; plena garantia à liberdade religiosa; 11) Defesa e proteção do meio ambiente e da natureza; proibição da destruição de florestas; estabelecimento do controle popular sobre a Amazônia; 12) Demarcação e posse imediata de todas as terras indígenas; defesa da cultura e dos direitos dos povos indígenas; 13) Garantia de Saúde pública e gratuita para todos; 14) Defesa e incentivo à cultura nacional e popular; 15) Garantia de moradia digna, saneamento e coleta de lixo para todas as famílias brasileiras; 16) Apoio à luta de todos os povos e países pela libertação da dominação capitalista e da espoliação imperialista; defesa da soberania, independência e autodeterminação dos povos; 17) Efetivação de uma justiça de transição relativa ao regime vigente antes da Constituição de 1988.

 A necessidade deste novo partido é uma ideia amadurecida a vários anos e foi impulsionada com as manifestações populares iniciadas em junho de 2013, onde ficou demostrado que o povo, a juventude e a classe trabalhadora brasileira querem que se realizem as transformações há muitos anos prometidas e sempre adiadas. Durante a feijoada ficou claro que as pessoas têm recebido muito positivamente a proposta de construção da Unidade Popular pelo Socialismo. No evento foi renovado o compromisso de todas realizarem atos de coleta nos bairros, locais de trabalho, praças, escolas e nas universidades pernambucanas.

 Hinamar Araújo de Medeiros – PE

 

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes