UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

segunda-feira, 5 de dezembro de 2022

Marcus Matraga, presente!

marcus matraga 02No dia 04 de fevereiro, foi assassinato o militante Marcus Vinícius de Oliveira, que lutou durante toda a sua vida por uma sociedade livre de manicômios, aprisionamentos e explorações. Teve um importante papel na Luta Antimanicomial, colaborando com a idealização de vários movimentos como a Rede Nacional Internúcleos de Luta Antimanicomial (Renila). Idealizou também o Dia Nacional da Luta Antimanicomial (18 de maio). Era psicólogo e professor aposentado do Instituto de Psicologia na Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Marcus Vinícius foi vítima de homicídio no Município de Jaguaripe, Bahia. Acredita-se que ele foi morto por causa da sua participação em atividades políticas na mediação de conflitos de terra. Matraga, como era conhecido, foi e sempre será uma referência para os militantes da saúde, como alguém que vislumbrava e lutava por uma saúde mental sem cárceres e livre de preconceitos.

Danielle Nunes dos Santos

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes