TwitterFacebook

Essencial é investir na educação

Foto: repdoução

Maria Fernanda Kemmerich*

No momento em que 4 mil brasileiros morrem por dia, o governo genocida de Bolsonaro, tem como prioridade garantir ainda mais lucro para os ricos, transformando a educação em um instrumento para isso, já que o retorno das aulas presenciais nesse momento só beneficia quem ganha dinheiro com a educação.

A Câmara dos Deputados irá levar a votação na próxima semana o Projeto de Lei (PL) nª 5595/2020, que dispõe sobre o reconhecimento da Educação Básica e de Ensino Superior, em formato presencial, como serviços e atividades essenciais, O PL é de autoria dos deputados federais Paula Belmonte (Cidadania-DF), Adriana Ventura (Novo-SP), Aline Sleutjes (PSL-PR) e General Peternelli (PSL-SP).

O Brasil é o segundo pais em números de mortes pela pandemia do COVID – 19, reabrir as escolas e universidades nesse momento, sem a vacinação garantida, é colocar em risco a vida de estudantes, professores, e todos os demais trabalhadores e trabalhadoras da educação, sem contar que esse retorno aumentaria o fluxo no transporte público e a circulação de pessoas em áreas que não estão preparadas para assegurar o distanciamento social, ou seja aumenta ainda mais a circulação do vírus.

A grande ironia desse projeto é que a educação tem sido alvo de constantes ataques dentro do governo de Bolsonaro, para agora ser chamada de essencial, mas esse PL é mais um ataque à educação em nosso pais, é apenas um disfarce para garantir os interesses das grandes empresas privadas.

Não é uma surpresa que Bolsonaro esteja mais preocupado em garantir os interesses e o lucro de grandes empresários, do que investir na vacinação da população e no SUS, ou mesmo um auxilio emergencial justo, essas sim deveriam ser as prioridades do presidente, garantir melhores condições aos brasileiros para enfrentar a pandemia.

Para nós que lutamos constantemente em defesa da educação em nosso país, o essencial é a vida das pessoas, o retorno presencial só deve acontecer quando a população estiver majoritariamente vacinada, seguindo a ordem de urgência conforme grupos de risco.

NOSSA VIDA VALE MAIS QUE O LUCRO DELES. NÃO AO PL 5595/2020.

*Militante do Movimento Correnteza – RS

Print Friendly, PDF & Email
classic-editor-remember:
classic-editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornais Internacionais

Páginas

Categorias

Especial

Links

Movimentos Sociais e Organizações