UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

terça-feira, 23 de abril de 2024

Sindicato das Psicólogas e dos Psicólogos do DF tem nova gestão

Kátia Caldas e Tamara Levy | Diretoras do SindpsiDF


TRABALHADORES – O Sindicato das Psicólogas e dos Psicólogos do Distrito Federal (SindPsiDF), após 40 anos desativado, foi reativado em 2020 e, deste então, tem crescido, organizando grupos de trabalho na área de Saúde, Educação e Clínica, o que promoveu a inserção de mais psicólogos na entidade.

Foram realizados ainda acordos coletivos pata trabalhadores terceirizados da Saúde e também trabalhadores do Hospital Universitário, além da luta pelas 30 horas como carga horária, recentemente pautada no Senado. Outra luta encampada é pela inserção de profissionais nas escolas, que já é lei aprovada no DF. Está em andamento também uma campanha contra o assédio, em parceria com o Conselho Regional de Psicologia.

Nova gestão

No dia 1º de novembro, o ocorreu a eleição para renovação da diretoria, com o reconhecimento da legitimidade da entidade pela categoria, a retomada do sindicato após décadas desativado e a segunda eleição após sua reativação. A chapa única “Avanço e Transparência” foi eleita.

As principais propostas para a categoria são: piso salarial distrital; lei para um plano de carreira; defesa das pautas nacionais da Psicologia e dos direitos trabalhistas; luta pela criação de vagas e concursos públicos; formação sindical; estabelecimento de benefícios para sindicalizados; implementação da Lei Nº 13.935/19, que dispõe sobre psicólogas(os) na rede pública de atenção básica; combate à precarização nos vínculos empregatícios; campanha contra o assédio; implementação dos acordos coletivos nas esferas pública e privada.

O Movimento Luta de Classes (MLC) tem caminhado junto à direção do Sindicato, integrando sua Diretoria Executiva atual. Vários são os desafios que a categoria enfrenta e o Movimento vem apoiando para aumentar o seu grau de organização para implementar essas e outras importantes pautas.

Matéria publicada na edição nº 283 do Jornal A Verdade

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes