UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

quinta-feira, 8 de dezembro de 2022

Agentes de trânsito criam Sinatran

Os agentes de trânsito dos municípios do Sertão paraibano fundaram no auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Patos, o Sindicato Intermunicipal dos Agentes de Trânsito da Paraíba – Sinatran. Com o sindicato, profissionais ligados às superintendências de trânsito e transporte público dos municípios terão maior representatividade nas suas lutas por melhores condições de serviço e salários.

O Sinatran vai representar em média 40 cidades localizadas no Sertão da Paraíba. Seu primeiro desafio será lutar para que as várias cidades que já têm condições de ter agentes de trânsito comecem a fazer operar essa categoria e suas respectivas superintendências ou mesmo secretarias ligadas ao trânsito. Cidades como Piancó – em que o trânsito já foi municipalizado, mas não tem agente de trânsito – Itaporanga, Conceição e várias outras ainda não têm seu trânsito municipalizado. A municipalização traria benefícios ao trânsito, além de recursos para esses municípios.

Antônio Coelho foi escolhido por unanimidade, pela assembléia, para representar a categoria através do Sinatran. Ele foi um dos pioneiros na organização da categoria em Patos e ganhou destaque nacional pela luta em prol do reconhecimento  constitucional da categoria como profissão na Constituição Federal, através da PEC 55, de autoria do deputado federal Hugo Mota. Coelho também era o presidente da Associação de Lutas Trabalhistas dos Agentes Municipais de Trânsito de Patos – Altrans. Para vice-presidente foi eleito Adriano Fernandes, agente de trânsito da cidade de Pombal. “Somos uma categoria pequena, porém temos muita importância diante do crescimento do trânsito por todo o país”, disse Antônio Coelho à reportagem de A Verdade.

Jozivan Antero (Patos-PB)

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes