UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

sábado, 26 de novembro de 2022

Moradores da zona leste ocupam terreno vazio em São Paulo

Moradores ocupam terreno vazio na Zona Leste de São PauloMoradores da Zona Leste de São Paulo, organizados pelo Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB), ocupam terreno vazio e publicam carta aberta à população, a qual reproduzimos abaixo.

Carta Aberta à população

Hoje, dia 31 de março, nós, moradores dos bairros Jd. Santa Rita, Jd. São Vicente, Jd.Santa Terezinha e região, organizados pelo Movimento de Luta nos Bairros Vilas e Favelas (MLB) e pela Associação Comunitária Olga Benário, ocupamos um terreno que há anos estava vazio.

Tomamos a decisão de não mais nos calar frente a injustiça que este terreno abandonado representa e demos voz e ação ao clamor de comunidade local. Decidimos não mais aceitar o descaso que o governo tem com nosso povo.

Localizados na periferia da Zona Leste de São Paulo, nossos bairros carecem de equipamentos públicos que garantam uma vida digna para nossa população. Saúde de qualidade, segurança, transporte digno e também locais e atividades de lazer e cultura que são artigos de “luxo” nesta sociedade, isso é, inacessíveis a população pobre.

Segundo a Constituição, toda propriedade deve cumprir uma função social. Um terreno que permanece vazio acarreta grandes prejuízos a comunidade, servindo como moradia de ratos, depósito de lixo e a mercê da especulação imobiliária. Portanto não é somente injusto, mas também ilegal deixar um espaço como este abandonado.

No entanto, sabemos que na realidade, a lei não é igual para todos, os ricos proprietários de terra e patrões sempre são favorecidos. Não concordamos com essa situação acreditamos que é possível vivermos em uma sociedade diferente, num país justo e igual para todos.

Associação Comunitária Olga Benário, São Paulo

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes