UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

quinta-feira, 6 de outubro de 2022

Cuba é o melhor lugar da América Latina para ser mãe

Cuba é o melhor lugar da América Latina para ser mãeNa cabeça da lista, elaborada entre 176 países, figura a Finlândia, enquanto a República Democrática del Congo está em último lugar. Nas Américas, Argentina, Costa Rica, México e Chile são os primeiros depois de Cuba, enquanto Honduras, Paraguai, Guatemala e Haití possuem o pior registro. Venezuela está em 66º lugar.

Cuba é o melhor país da América Latina para a maternidade e o 33º do mundo, segundo um índice da organização Save the Children. Os Estados Unidos estão em 30º lugar, abaixo de países com menos ingresos.

À frente desta lista figura a Finlândia enquanto o Congo é o pior lugar do mundo para ser mãe, destaca a agência Efe.

Esta Ong com sede en Londres leva em conta fatores como o bem-estar, a saúde, a educação e a situação económica das mães assim como a taxa de mortalidade infantil e materna.

Quanto a América Latina e Caribe, Cuba aparece no posto 33 à frente da Argentina (36), Costa Rica (41), México (49) e Chile (51), em contraste com Haiti clasificado em 164º. Também em postos relativamente baixos estão Honduras (111), Paraguai (114) e Guatemala (128). Venezuela está em 66º.

“Se bem que tenham conseguido enormes avanços na América Latina, podemos fazer mais para salvar e melhorar a vida de milhjões de mães e bebês recém-nascidos que se encontram na maior situação de pobreza”.

O Índice de Risco do Dia do Parto, elaborado pela primeia vez, revela que 18 % de todas as mortes de crianças menores de 5 anos na América Latina ocorrem durante o dia de nascimento. As principais causas são nascimentos prematuros, infecções graves e complicações durante o parto.

No Brasil, Peru, México e Nicarágua “foram feitos os maiores progressos”.

Fonte: El Universal

Outros Artigos

2 COMENTÁRIOS

  1. Se cuba é tão boa assim, por que que essa carrada de comunista não morar lá? Vão lá fazerem parde do gado dos castro.

  2. Por que a missão dos comunistas é fazer a revolução em seus próprios países, e não buscar conforto pessoal onde acharem que a situação é melhor. Os comunistas querem libertar a classe trabalhadora mundial começando pelo seu próprio país, melhorando a vida do seu próprio povo. Os comunistas pensam no coletivo antes de pensar no individual. Quem vai buscar conforto pessoal em outros países são vocês, capitalistas de merda, que são individualistas e só pensam no próprio umbigo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes