UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

quinta-feira, 29 de setembro de 2022

4º Eseet reúne 200 estudantes em Campos

4º Eseet reúne 200 estudantes em CamposNo Instituto Federal Fluminense, em Campos dos Goytacazes-RJ, realizou-se o 4° Encontro Sudeste de Estudantes de Escolas Técnicas (Eseet), organizado pela Federação Nacional dos Estudantes do Ensino Técnico (Fenet), que reuniu estudantes vindos de 15 institutos federais e escolas técnicas estaduais dos quatro estados da região.

Com muita discussão e mobilização, o encontro teve a participação do Sindicato Nacional dos Servidores dos Institutos Federais (Sinasefe), do Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro/NF) e do DCE-UFRJ, que debateram as manifestações de junho deste ano e o papel da juventude na luta pela transformação do País. Às vésperas da realização da 12ª rodada do leilão do petróleo brasileiro, a presença da Fenet nessa luta foi lembrada pelo Sindicato dos Petroleiros, e o encontro decidiu pela participação dos estudantes no ato do dia 21 de outubro contra o leilão.

Os grupos de debate foram escolhidos juntamente com os grêmios estudantis e trataram de educação (livre acesso, politecnia, investimento e expansão), meio ambiente, segurança pública (desmilitarização da PM, assassinato da juventude negra e violência do Estado nas manifestações) e combate às opressões (direitos das mulheres, liberdade LGBT, liberdade religiosa, luta do movimento negro e indígena).

Nos debates educacionais, a discussão focou os problemas das instalações dos novos campi dos institutos, com falta de laboratórios, salas de aula, enfim, toda infraestrutura básica aos cursos, enquanto sobram recursos para serem investidos no Pronatec. Os estudantes apresentaram suas realidades específicas, com destaque para a participação da bancada do Espírito Santo, que contou com a presença de estudantes do Ifes de Linhares e Piúma.

Sobre o movimento estudantil, a diretoria da Fenet denunciou a restrição da meia-entrada, recentemente aprovada, que restringirá este direito a 40% dos ingressos. Presentes neste debate, os representantes da Ames-BH e Aerj reiteraram a necessidade de unir a luta dos estudantes pelo direito irrestrito à meia-entrada. O grêmio estudantil do IFSP, campus São Paulo, também participou da mesa e destacou a necessidade de fortalecer a Fenet e a presença dos estudantes em espaços como o Eseet.
Entre as resoluções do encontro, está a convocação do 2° Seminário de Meio Ambiente da Fenet, a ser realizado no Espírito Santo; a campanha da Fenet contra a restrição da meia-entrada; o apoio ao movimento de oposição na Ubes; e o fortalecimento e apoio às lutas locais de cada grêmio.

“O encontro possibilitou fortalecer a base da Fenet e intensificar o rumo da entidade na defesa de um novo modelo de escola técnica. A partir do 4º Eseet, reunimos jovens que estiveram nas ruas de junho e, assim, aumentamos o compromisso da entidade junto aos estudantes e na defesa de um novo Brasil”, declarou Raphael Pena, coordenador geral da Fenet.

Redação Rio

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes