UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

domingo, 25 de setembro de 2022

Seleção da Argélia manifesta solidariedade ao povo palestino

chegada-argelia-afpDesde o início da semana, os palestinos que vivem na Faixa de Gaza são alvo de um novo massacre ordenado pelo Estado sionista de Israel. Após o desaparecimento e morte de três jovens israelenses, os sionistas resolveram punir toda uma população de quase dois milhões de habitantes, realizando bombardeios e provocando a morte de civis.

Israel permanece em sua política de verdadeiro genocídio contra o povo resistente da Palestina. Os sionistas praticam sua política belicista, avessa à paz e de representação dos interesses imperialistas na região do Oriente Médio.

Na volta ao seu país, a seleção da Argélia foi recebida com festa e ostentou a bandeira palestina, reafirmando a solidariedade para com os esse povo. Os povos de todo o mundo reforçam sua solidariedade à resistência palestina.

A seleção da Argélia declarou ontem, por meio de seu capitão Islam Slimani, que doará todo o dinheiro da premiação oferecida pela federação nacional de futebol, cerca de R$ 9 milhões, para a assistência ao povo palestino.

Em uma Copa onde predominam a corrupção da Fifa, a elitização os estádios e a negação dos direitos democráticos, a atitude dos Argelinos traz esperanças para os que lutam por um mundo de solidariedade e igualdade entre os povos.

Redação

 

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes