UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

quarta-feira, 6 de julho de 2022

Metrôs e Trens de São Paulo vão entrar em greve no dia 27

Os 3 sindicatos que representam os ferroviários em toda Grande São Paulo e o Sindicato dos Metroviários acabaram de decidir em assembleia pela greve a partir das 0h do dia 27 de maio.
imagesA CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), o Metrô e o Governo de Geraldo Alckmim (PSDB), insistem em oferecer apenas 6,65% sob as cláusulas econômicas e 0% de reajuste real. Pelo INPC, a categoria deveria ter no mínimo 7,9% de reajuste para recompor as perdas.
As empresas têm se negado a negociar e têm sido intransigente no reajuste oferecido. Os ferroviários e metroviários alegam que insistiram em uma negociação que garantisse um reajuste real dos salários mas que a empresa se mantém de braços cruzados em relação às demandas da categoria.
Uma das reivindicações da categoria é readimissão imediata dos 37 metroviários demitidos na última greve. A justiça do trabalho já deu ganho de causa aos metroviários, mas o governador insiste em recorrer à lentidão da justiça para impedir que pais e mães de família retornem aos seus postos de trabalho.
Nessa sexta-feira (22), iniciam a comunicação com a população através de panfletagens na frente das estações,  alertando sobre a data e os motivos que levaram os ferroviários e ferroviárias ao recurso da greve como forma de luta por seus direitos.
Fernando Oliveira, São Paulo

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes