TwitterFacebook

Unidade Popular tem seis pré-candidatos no Rio Grande do Sul

CANDIDATURAS DO POVO – Priscila Voigt e Merong Pataxó representam a Unidade Popular no Rio Grande do Sul (Foto: Reprodução/Jornal A Verdade)

Diretório Estadual da Unidade Popular Pelo Socialismo
Jornal A Verdade

PORTO ALEGRE (RS) – No dia 31 de julho, foi feito o lançamento dos primeiros pré-candidatos a vereadores de Porto Alegre. A atividade contou com a vice-presidenta nacional da UP, Samara Martins. Em sua fala, Samara destacou a importância da primeira participação da Unidade Popular nas eleições.

O companheiro Merong Pataxó Hã Hã Hãe Kamakã já havia sido lançado no final do mês de maio. Ele foi morador da Ocupação Lanceiros Negros e é militante da luta indígena, dos trabalhadores informais e da causa ambiental. Lançamos também o vice-presidente estadual da Unidade Popular no Rio Grande do Sul, Vinicius Stone, também membro da União da Juventude e Rebelião (UJR), atualmente fazendo pós-doutorado na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Natanielle Almada, estudante de Políticas Públicas na UFRGS, coordenadora estadual do Movimento de Mulheres Olga Benario e da Casa de Referência Mulheres Mirabal, mulher negra, moradora de ocupação e mãe, também foi lançada pré-candidata a vereadora de Porto Alegre. E, como pré-candidato pelo Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB), Luciano Schafer, que foi morador da Ocupação Lanceiros Negros e estuda Psicologia na UFRGS.

Para somar e fortalecer o conjunto dos nossos pré-candidatos à Câmara da Capital, contamos ainda com a companheira Priscila Voigt, de 29 anos. Ela nasceu na cidade de Tijucas, em Santa Catarina. É nutricionista formada pela UFSC e atualmente é presidenta da Unidade Popular no Rio Grande do Sul e componente da Executiva Nacional do partido. Como militante do MLB, foi uma das coordenadoras da Ocupação Lanceiros Negros e esteve à frente da organização e construção da Casa de Referência da Mulher – Mulheres Mirabal.

Priscila foi lançada, no início de fevereiro, como pré-candidata à Prefeitura de Porto Alegre e, após debate interno na direção do partido e com o conjunto da militância em torno de uma unidade programática com o PSOL, que tem como pré-candidata a deputada federal Fernanda Melchionna, foi aprovada a unificação das duas pré-candidaturas e de seus programas, passando Priscila a somar forças ao conjunto dos nossos pré-candidatos a vereadores da capital gaúcha.

Para Priscila, esse processo eleitoral deve servir para ampliar as lutas sociais, ampliar a organização da classe trabalhadora e, com isso, nossa capacidade de enfrentamento nos próximos períodos. “Precisamos nos afirmar e nos desenvolver enquanto partido e convocar milhares de pessoas a se filiarem à UP. E mais que isso. Precisamos impor uma derrota ao fascismo nas cidades. Por isso, essa unidade em torno de um programa anticapitalista, que apresente o socialismo como caminho para nossa real emancipação e que apresente propostas concretas para modificar a vida do nosso povo é fundamental. Vamos trabalhar com muita dedicação e abnegação para conquistar o maior número de votos e eleger nossos representantes para enfrentar a ofensiva fascista e todos os ataques à classe trabalhadora também nessa trincheira do parlamento”.

Já realizamos diversas plenárias temáticas para construção do nosso programa local, que tem como base “O Programa do Poder Popular para as Cidades”, um programa de 80 pontos para ser implementado nos municípios elaborado pelo nosso Diretório Nacional. Como eixos centrais do programa estão a construção de mecanismos de participação direta nas decisões políticas e orçamentárias da cidade, além da revogação de todas as privatizações e terceirizações, realização imediata de concursos públicos, valorização dos servidores, revogação da reforma da Previdência, auditoria das dívidas do município e realização de um reforma tributária que taxe os mais ricos e desonere os mais pobres.

Lançamos também em Passo Fundo a pré-candidatura da companheira Milena Moretto. Estudante de História, militante da União da Juventude Rebelião e do Movimento de Mulheres Olga Benario, Milena esteve à frente das lutas por direitos das mulheres e da juventude na cidade. O momento nos exige disposição e coragem e isso os militantes da Unidade Popular e o nosso povo da periferia, a classe trabalhadora, têm de sobra.

Print Friendly, PDF & Email
classic-editor-remember:
classic-editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornais Internacionais

Páginas

Categorias

Especial

Links

Movimentos Sociais e Organizações