UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

terça-feira, 6 de dezembro de 2022

Os desafios de crescimento da UP

Militantes da UP no 28º Grito dos Excluídos em Recife, Pernambuco. Foto: Amanda Paiva

Na Região Metropolitana do Recife, foi fundado recentemente um núcleo da UP na cidade de Camaragibe, região que não tínhamos atuação desde 2020 no período pré-pandémico. Agora, fruto do grandioso trabalho das nossas candidaturas locais e da nossa candidatura nacional, voltamos a crescer novamente na cidade e fundamos um núcleo que retoma nossas atividades nesta importante cidade.

João Maranhão, Militante da UP em Pernambuco


Após um segundo turno apertado com a derrota do fascismo nas urnas, a Unidade Popular (UP) avança para crescer cada vez mais e mobilizar o povo para derrotar o fascismo nas ruas. Após uma campanha no 1º turno das eleições de 2022 extremamente produtiva, a UP fecha esse ano com centenas de milhares de votos e mais de 15 mil pedidos de filiação.

Estes 15 mil pedidos de filiação representam não só um crescimento numérico natural do nosso partido, como também um chamado à nossa militância a se desenvolver dentro dos núcleos da UP. Precisamos estar atentos para filiar os aspirantes em tempo hábil, antes que a vontade de se organizar reduza. Precisamos nos desafiar e assumir as tarefas de coordenação dos núcleos que serão expandidos, fundados e até mesmo desmembrados.

Na Região Metropolitana do Recife (RMR), foi fundado recentemente um núcleo da UP na cidade de Camaragibe, região que não tínhamos atuação desde 2020 no período pré-pandémico. Agora, fruto do grandioso trabalho das nossas candidaturas locais (Natalia Lucia e Rafael Wanderley enquanto candidatos a deputados estaduais e Ludmila Outtes candidata a deputada federal), além da nossa candidatura nacional (Leonardo Péricles e Samara Martins candidatos a presidente e vice-presidenta da república), voltamos a crescer novamente na cidade e fundamos um núcleo que retoma nossas atividades nesta importante cidade na zona oeste da RMR.

A oportunidade está na nossa frente camaradas. Precisamos do espírito revolucionário do camarada Che Guevara para ousarmos mais enquanto militantes e crescermos junto com o nosso partido. Nos desenvolver enquanto militantes da UP para coordenar novos núcleos, essa deve ser uma das nossas tarefas fundamentais e urgentes neste período. Além disso, acelerarmos o processo de filiação dos que querem dividir trincheiras conosco, afinal de contas, não podemos deixar nossas ideias só para os que já são filiados, esta não é uma atitude comunista.

Precisamos divulgar o programa da UP em cada bairro, cada estação de metrô, parada de ônibus, porta de fábrica, universidade, praças públicas e ruas movimentadas. Não devemos subestimar a importância do Jornal A VERDADE para auxiliar nesta tarefa, as brigadas do jornal são também uma forma de organizar o nosso povo e uma oportunidade para elevar a consciência de classe e apresentar a UP para a população daquele local. Utilizar o exemplo de Camaragibe para recriar trabalho do nosso partido onde já não existe mais, criar núcleos onde ainda não chegamos e crescer nossa organização nos locais onde já atuamos é um começo para começarmos o próximo ano com um partido 5, 6, 7, 8 vezes maior do que foi no ano passado.

É necessário escutar o que o nosso “povão” tem pra dizer. Existe alternativa para a política brasileira e esta alternativa é a Unidade Popular, um partido verdadeiramente de esquerda que traz de volta o nome da esquerda para as periferias do nosso Brasil. Devemos organizar nossos operários, nossas mulheres, o povo preto e a juventude, convencê-los de que o socialismo é a única saída e, para alcançá-lo, precisamos estar organizados num partido com um programa revolucionário. Filie-se à Unidade Popular! Vai avançar!

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes