UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

terça-feira, 16 de abril de 2024

Casa do Alecrim: a ONG que leva comida e solidariedade para a periferia de Curitiba

Há sete anos, um grupo de amigos e pessoas religiosas de diferentes denominações se uniram para criar a Casa do Alecrim, uma ONG que tem como objetivo levar solidariedade e alívio para famílias carentes da periferia de Curitiba.

Bruno Machado Vanessa Almeida | Curitiba


BRASIL – A Casa do Alecrim começou distribuindo marmitas para as pessoas em situação de vulnerabilidade na cidade. Com o tempo, o trabalho foi se expandindo e a ONG passou a arrecadar e doar roupas e cobertores no inverno.

Hoje, a Casa do Alecrim conta com uma equipe de voluntários engajados e dedicados, que se reúnem regularmente para preparar e distribuir as refeições. Eles também realizam campanhas de arrecadação de alimentos e roupas, que são doados para as pessoas mais necessitadas.

A Casa do Alecrim é uma organização não-governamental independente e não recebe financiamento público. Todo o trabalho é mantido com doações de pessoas físicas, além do esforço e dedicação dos voluntários. “Nosso trabalho é levar esperança e alívio para as pessoas que mais precisam. Acreditamos que a solidariedade é uma das ferramentas mais poderosas que temos para transformar o mundo”, afirma Edson Luis, um dos fundadores da ONG.

Embora a cidade de Curitiba seja conhecida por sua infraestrutura de transporte público eficiente e sua qualidade de vida, a realidade dos moradores da periferia é muito diferente. Muitos deles enfrentam dificuldades para obter acesso a serviços básicos de saúde, educação e segurança, além de enfrentar a falta de emprego e oportunidades de trabalho.

Diante dessa realidade, a atuação da Casa do Alecrim se destaca como um exemplo de como a sociedade civil pode se mobilizar para oferecer ajuda e suporte às pessoas em situação de vulnerabilidade. Enquanto o governo da cidade falha em oferecer serviços públicos adequados, a ONG preenche essa lacuna, levando comida, roupas e solidariedade para quem mais precisa.

No entanto, é importante ressaltar que o papel do governo não pode ser substituído pela ação de organizações não-governamentais. É responsabilidade do Estado garantir que todos os cidadãos tenham acesso a serviços básicos e condições dignas de vida, independentemente de sua condição social ou econômica.

Portanto, enquanto a Casa do Alecrim é uma luz de esperança na periferia de Curitiba, o governo da cidade precisa assumir a responsabilidade de oferecer suporte e ajuda às pessoas em situação de vulnerabilidade, a fim de construir uma cidade mais justa e igualitária para todos.

Se você quiser conhecer mais sobre a Casa do Alecrim e contribuir para essa causa tão nobre, basta entrar em contato com a ONG por meio das redes sociais. Com pequenos gestos, podemos ajudar a construir um mundo mais justo e solidário.

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes