UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

segunda-feira, 20 de maio de 2024

MOSTRANDO RESULTADOS PARA:

Vitória antifascista nas ruas em Portugal

No dia 06 de março, as forças antifascistas do Porto, em Portugal, conquistaram uma importante vitória sobre a crescente onda reacionária que o...

Liga de Futebol Antifascista une futebol e luta social em Curitiba

Criada em Curitiba durante a pandemia, a Liga de Futebol Antifascista é uma iniciativa encabeçada pelos times de várzea CF Estrela Vermelha e Locomotiva...

A preparação da União Soviética para enfrentar o nazifascismo

Leonardo Péricles | Presidente da UP Tendo à frente um dos partidos comunistas mais organizados da história, a classe operária russa realizou, em 1917, a...

Thiago de Mello: “Faz escuro, mas nós cantamos!”

José Levino | Historiador É o vaivém da vida. A vida vai e vem. Então a história é um círculo vicioso? Pergunta a jovem que...

Comuna lança albúm “Procurado” denunciando o fascismo e o aumento da repressão contra o povo

https://youtu.be/MxDTP1y0d8Q Comuna Salvador-BA Em seu discurso “A arte deve temperar o povo com consciência de classe para a construção do socialismo”, o revolucionário albanês Enver Hoxha defende...

Centenas de pessoas participam de ato antirracista e antifascista em BH

Com o tema "A luta antirracista e anfascista no Brasil", nessa segunda dia 8, movimentos sociais organizados pela Unidade Popular, se reuniram em Belo...

Estudantes da Unicamp fazem ato em resposta a ataque nazifascista

O Jornal A Verdade denunciou o ataque criminoso realizado contra estudantes e trabalhadores negros da Unicamp, agora relatamos o ato de repúdio à intolerância...

General Heleno assessorou Sara Winter

segundo Winter, o ministro-general Augusto Heleno chegou a chamá-la diretamente no Palácio para dar orientações sobre como agir, o que se refletiu, a partir daí, na atuação do grupo fascista atacando principalmente o Supremo Tribunal Federal.

O papel da juventude na luta antifascista

Eles têm o poder econômico, político e militar, mas não estão com o povo e não possuem o apoio do povo. Portanto, devemos acelerar a construção da Unidade Popular, unir e mobilizar a juventude nas periferias, nos locais de trabalho, nas universidades e nas escolas, para lutar pelos seus direitos, ocupar as ruas pelo "Fora Bolsonaro, Impeachment Já! Por um governo popular!" e fortalecer a solidariedade aos setores mais vulneráveis do povo brasileiro.

Ação antifascista é realizada na Zona Norte de Natal

Por Ezequias Rosendo NATAL - O Brasil segue sendo um dos maiores epicentros do coronavírus no mundo, chegando a mais de mil mortes por dia,...

“Alegria na luta revolucionária”

No dia 7 de junho, um domingo, o Brasil foi palco de diversas manifestações que clamavam pela proteção das vidas pretas e periféricas, pelo enfrentamento ao fascismo, pela justiça, pelo fim da polícia militar, pela abertura dos arquivos da ditadura e pelo fora Bolsonaro. Em São Paulo, a manifestação ocorreu no Largo da Batata, zona oeste da capital e, como no resto do país, os militantes da Unidade Popular pelo Socialismo (UP), da União Juventude e Rebelião (UJR), do Movimento de Luta nos Bairros Vilas e Favelas (MLB), do Movimento de Mulheres Olga Benário e do Movimento Luta de Classes (MLC) estavam presentes em peso. Ao fim do ato, a presidente estadual da UP, Vivian Mendes, conversou com os companheiros de luta, relatando nosso papel histórico, homenageando aquelas e aqueles que lutaram antes de nós e evidenciando nosso importante papel de vanguarda na busca do poder popular e no enfrentamento ao fascismo proeminente no Brasil de hoje. Ao fim de sua fala, os militantes utilizaram palavras de ordem e cantaram saudando a organização e a luta do partido e dos movimentos ali presentes. Naquele momento eu reparei na alegria coletiva daquelas pessoas, transbordando uma força que me deixou arrepiada.

Novidades