UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

segunda-feira, 5 de dezembro de 2022

Prefeito de Caxias engana idosos sobre vacinação

DESRESPEITO. Multidões foram enganadas pelo prefeito de Caxias (Foto: Paulo Guilherme)

Durante a semana, o prefeito de Duque de Caxias (RJ), Washington Reis (MDB-RJ), anunciou que começaria a vacinar idosos a partir dos 60 anos, provocando uma corrida para os postos de saúde da rede municipal. O que o prefeito não disse é que o estoque de vacinas era de apenas 6.100 doses para uma população de mais de 100 mil habitantes com mais de 60 anos de idade. Uma verdadeira irresponsabilidade com a vida humana. 

Por Esther Rocha
Duque de Caxias (RJ)

BRASIL – A irresponsabilidade do prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis (MDB-RJ), foi destaque nacional hoje (5). Durante a semana, Reis anunciou que a cidade começaria a vacinar idosos a partir dos 60 anos, provocando uma corrida para os postos de saúde da rede municipal. O que o prefeito não disse é que o estoque de vacinas era apenas de 6.100 doses para uma população de mais de 100 mil habitantes com mais de 60 anos de idade. 

O resultado não poderia ter sido outro: milhares de idosos chegaram de madrugada nas unidades de saúde para garantir a vacina. Filas quilométricas se formaram e milhares de pessoas se aglomeraram na esperança de receber a tão esperada vacina. 

Em entrevista à imprensa, Washington Reis fez pouco caso da confusão e da bagunça que se transformou algo que deveria ser levado à sério pelos gestores. Afinal, trata-se da saúde das pessoas. 

Alinhamento com o Governo Federal

O prefeito de Caxias é aliado de primeira ordem do fascista Bolsonaro. Reis chegou a inaugurar uma escola militar com o nome do pai do presidente, um ilustre desconhecido que nada fez em prol da educação no Brasil.

Tão cínico e desonesto quanto seu aliado no Palácio no Planalto, Washington Reis pretende se candidatar ao Governo do Estado nas próximas eleições, e, por isso, está usando a pandemia como trampolim para seus planos. O problema é que, para isso, está brincando com a vida da população da cidade. 

De fato, se haviam apenas 6.100 doses, a atitude adequada seria convocar apenas uma faixa etária da população que se adequasse a essa quantidade. Contudo, a decisão do prefeito bolsonarista foi a de propagar desinformação e a falsa esperança aos nossos idosos, desesperados por vacina.

Washington Reis tirou os caxienses de casa para buscar a vacina, semeou esperanças com as quais não poderia corresponder e mostrou de novo que a nossa vida não vale nada para os poderosos. O que vimos foi a alegria de milhares de idosos e seus familiares, que se prepararam para um momento tão aguardado e acreditaram na vacina, apesar de toda a onda de negacionismo. 

O povo brasileiro merece e precisa de vacina, não de desinformação e chacota com o sofrimento alheio.

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes