TwitterFacebook

CIPOML condena guerra contra povo palestino

PALESTINA – Durante 10 dias, o povo palestino tem sofrido um dos ataques mais mortíferos da sua história. Para comemorar o 54º aniversário da ocupação de Jerusalém, as selvagens hordas sionistas, apoiadas pelo exército de ocupação, têm atacado os palestinos que residem na cidade com o objetivo de expulsá-los de suas casas e de suas terras. O alvo principal dos ataques, e último bastião da resistência, foi o bairro de ‘Sheikh Jarrah’, localizado ao lado dos lugares sagrados para islâmicos e cristãos. Trata-se de uma nova campanha de limpeza étnica destinada a ‘judaizar’ a cidade e concluir sua anexação total ao estado sionista. Ao mesmo tempo, outras partes de Jerusalém e toda a Cisjordânia vêm sofrendo uma expansão sem precedentes dos assentamentos com a cumplicidade dos países imperialistas e das Nações Unidas.

Quando os grupos fascistas de colonos sionistas iniciaram os ataques assassinos, foram acompanhadas pela máquina de guerra do estado sionista que, como faz habitualmente, aponta e atira sem distinção para a população civil: idosos, crianças, homens e mulheres, ocasionando um verdadeiro genocídio e causando uma destruição massiva em todos os territórios ocupados. O objetivo sionista é obrigar o povo a abandonar suas terras ampliando o número de refugiados nos países vizinhos, completamente dispersos pela diáspora.

São crimes contra a humanidade que estão sendo cometidos e devem alertar toda a comunidade progressista do mundo, assim como todos os homens e mulheres amantes da paz e da justiça, para que expressem seu apoio a este povo, que, sozinho, enfrenta a máquina de guerra sionista e os planos imperialistas, incluindo o ‘Acordo do Século’* da administração estadunidense, cujo objetivo é manter seus domínios sobre as riquezas e território da região.

A CIPOML, ao mesmo tempo em que condena energicamente a guerra contra o povo palestino, convoca a classe trabalhadora, seus partidos e organizações de massas, a todos os povos do mundo, para se levantarem contra a barbárie sionista, declarando apoio à justa causa dos palestinos e exigindo o fim imediato desta guerra.

Comitê Coordenador da Conferencia Internacional de Partidos e Organizações Marxistas-Leninistas (CIPOML)

Maio de 2021

*Plano apresentado pela administração Trump no início de 202 para o conflito, mas conforme a Autoridade Nacional Palestina: “Um plano para acabar com a causa palestina”.

Print Friendly, PDF & Email
classic-editor-remember:
classic-editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Jornais Internacionais

Páginas

Categorias

Especial

Links

Movimentos Sociais e Organizações