UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

quarta-feira, 28 de setembro de 2022

Estudantes ocupam Secretaria de Educação no Rio

NA PRESSÃO. Estudantes cobram retorno presencial e melhores condições de ensino (Foto: JAV/Rio)

Reivindicando merenda para os estudantes e retorno seguro às aulas presenciais,  estudantes ocuparam a SEEDUC-RJ.

Nicole Viana
Rio de Janeiro


JUVENTUDE – Na última quinta (03), estudantes do Rio de Janeiro organizados pela Associação dos Estudantes Secundaristas do Rio de Janeiro (AERJ) e pela FENET (Federação Nacional dos Estudantes em Ensino Técnico) ocuparam a Secretaria Estadual da Educação do Rio de Janeiro para cobrar posicionamento do governo e soluções para as demandas dos alunos. Após 6 meses de tentativas de diálogo com a SEEDUC-RJ, os estudantes não estavam sendo ouvidos.

Segundo a AERJ, desde agosto do ano passado, depois da primeira reunião, foi prometido ao movimento que em 15 dias iriam retornar contato e com as respostas das pautas colocadas. 

Após muita agitação e palavras de ordem de “Eu não sou otário! A SEEDUC só recebe empresário!”, Jorge Moreno, responsável pelos sistemas de bilhete escolar, recebeu os estudantes e ouviu novamente a pauta de reivindicação. 

“A SEEDUC-RJ só recebe empresário”, dizem estudantes (Foto: JAV/Rio)

SEEDUC-RJ não atende os interesses dos estudantes

Na ocupação, foram levadas as principais pautas e preocupações dos estudantes, como o livre acesso, circulação, democracia do movimento estudantil nas escolas, passe livre e retorno presencial com segurança. 

Não foram poucas as tentativas de diálogo por parte do movimento estudantil. Inúmeros ofícios protocolados e os emails enviados. Porém, até agora o Secretário de Educação Alexandre Valle não recebeu o movimento.

Ao que tudo indica, essa é a forma com que a SEEDUC recebe os estudantes, deixando-os plantados esperando uma resposta que não veio durante esses seis meses. As entidades afirmaram que continuarão na luta e pressionando os responsáveis para que a pauta dos alunos seja atendida.

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes