UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

sexta-feira, 12 de julho de 2024

CATEGORIA

Opinião

Jesus de Nazaré, o Filho do Carpinteiro

Hoje, as comunidades de base, pastorais, como o Conselho Indigenista Missionário (Cimi), Pastoral da Terra, Movimento de Trabalhadores Cristãos, Teologia da Libertação, Teologia da Enxada e outros expressam o verdadeiro cristianismo, autêntico, fundamentado nos evangelhos e na prática das primeiras comunidades cristãs.

Livro: A Miséria da Filosofia

Publicado em 1847, a Miséria da Filosofia, apesar de ser uma obra pouco analisada do pensamento marxiano, contém grandíssimas contribuições à teoria social marxista. O livro, cujo próprio título expressa uma ironia crítica,.

Cuba comemora o 62° aniversário da revolução realizando profundas mudanças econômicas

Maior liberdade para a circulação do dólar, incentivo à produção privada e diminuição das subvenções públicas são algumas das medidas do governo do presidente...

“As eleições em Mogi das Cruzes”

“A Unidade Popular pelo Socialismo (UP) tem uma posição muito clara, combater o crescimento do Fascismo e a direita. Combater o racismo, machismo, homofobia em todos os momentos, construir o poder popular e o Socialismo.”

“Mais uma batalha vencida na cidade de Mauá”

Certamente vivemos uma vitória, mas ao mesmo tempo ainda temos grandes batalhas a serem travadas. A luta mais urgente para nosso povo atualmente é a derrubada do governo Bolsonaro, a retirada do fascismo do poder e a defesa da democracia. Ao mesmo tempo precisamos lutar por um mundo verdadeiramente livre das explorações que nós trabalhadoras, trabalhadores, jovens, mulheres, negras e negros vivemos. Nosso povo somente se libertará quando construirmos o socialismo e para isso a organização do poder popular em cada bairro de Mauá crescerá. Não tenhamos dúvidas de que, nesse próximo período, virão fortes enfrentamentos. A UP está certa de que esses desafios encontrarão um povo disposto a lutar para construir um país e uma cidade dignos, sem a exploração dos trabalhadores a que hoje estamos submetidos.

Mulheres da UP foram as mais bem votadas em Mauá

Gabriela Torres foi a mulher mais bem votada para vereança, tendo inclusive mais votos do que 3 vereadores que de fato ocuparão as cadeiras. Injustamente, Gabriela não poderá exercer seu mandato como vereadora e a câmara municipal continuará sem mulheres ocupando o espaço de poder.

Marco temporal: uma nova estratégia de etnocídio dos povos indígenas

Pela influência da democracia racial brasileira, é muito difícil fazer o resgate étnico. Na educação, a única coisa que resta para o indígena é o dia 19 de abril, em que as crianças fazem uma pena e colocam na cabeça e ecoam sons bestializados como se assim o fosse entre os indígenas.

Francisco de Assis nos inspira e interpela

Em contexto de violência social, onde o poder religioso encontrava-se em conluio com os poderes econômico e político para assim oprimirem ainda mais os empobrecidos, Francisco de Assis não apenas fez Opção pelos Pobres, mas se tornou um pobre, um “menor” entre os menores.

A pandemia, a crise econômica e a situação do acolhimento institucional no Brasil

À medida que a disseminação da pandemia causada pela Covid-19 avança, as consequências nas famílias brasileiras, especificamente aquelas moradoras das periferias, áreas rurais, população indígena, LGBTQIA+, Quilombolas, Ribeirinhos e pessoas em situação de rua certamente são as mais impactadas pelas questões de desigualdade social.

A presença de Chadwick Boseman segue na luta antirracista

Boseman era um homem negro trabalhando doente pra aproveitar boas oportunidades que surgiram para gerar suporte e novas possibilidades para sua família. Busca de dignidade, vida confortável e de deixar legado. A fama e a grana não o eximiu da luta como homem negro "comum".

PCD NA POLÍTICA

Por Edson Victor e Haydée Lara Brasília - A política é pensada, na democracia burguesa, como um espaço de representação dos povos, ao mesmo tempo...

Recente