UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

sexta-feira, 12 de julho de 2024

MOSTRANDO RESULTADOS PARA:

Chega de comemorar mortes: a importância da luta por memória e verdade hoje

Tanto na ditadura militar, quanto na atual pandemia, o que se observa é o sacrifício da vida do povo em prol da manutenção do capitalismo. Rememorar os crimes que a ditadura cometeu é fundamental para compreendermos e articularmos as lutas no tempo presente. E o mesmo vale para os dias de hoje: as milhares de mortes (que poderiam ser evitadas) precisam ser devidamente responsabilizadas.

“Aqui vencemos a floresta”: como a ditadura militar torturou a Amazônia

Durante os governos militares, a Amazônia foi representada como um inimigo que impedia a expansão econômica e a felicidade da nação. Durante 21 anos, as Forças Armadas foram responsáveis pela destruição de importantes biomas amazônicos, das riquezas naturais e da fauna local. Trabalhadores imigrantes eram superexplorados e mais de 8 mil indígenas foram assassinados para abrir espaço ao falso “milagre econômico”.

Militar vira réu por crimes cometidos durante a ditadura

O sargento reformado Antônio Waneir Pinheiro de Lima é acusado pela Justiça Federal de sequestrar, torturar e estuprar Inês Etienne Romeu na Casa da Morte, em Petrópolis, durante a ditadura militar.

Prisão do rapper Pablo Hasél provoca protestos na Espanha

Manifestantes pedem liberdade do músico condenado por criticar a corrupção da monarquia espanhola e a violência policial. Atos levaram milhares de pessoas às ruas de Barcelona e outras cidades do país.

Trump quer impor ditadura militar nos Estados Unidos

A capital Washington já está sitiada por soldados da Guarda Nacional, das Forças Armadas e por agentes do Serviço Secreto. Ao menos 40 cidades já decretaram toque de recolher, entre elas São Francisco, Los Angeles e Nova York. Ao todo, mais de 4.500 pessoas já foram presas nos sete primeiros dias de protestos.

Qualquer golpe fascista será esmagado pelo povo

Um golpe para proteger os filhos de Bolsonaro e seus amigos, a república dos banqueiros e manter ministros que querem destruir o meio ambiente, dizimar os povos indígenas e acabar com a universidade pública não encontra nenhum apoio e é completamente repudiado pelo povo brasileiro.

Mesmo em quarentena, uruguaios relembram mortos pela ditadura

Familiares de mortos e desaparecidos políticos protestam exigindo justiça e punição dos responsáveis pelos crimes cometidos pela ditadura militar no Uruguai. Este ano, devido à pandemia, Marcha do Silêncio foi "virtual".

O que significa um militar no comando do SUS?

Qual o significado e as consequências da inédita presença de um militar no comando do Ministério da Saúde, principal órgão de gestão de uma política social de importância central para população e que resultou de uma grande conquista democrática da Constituição de 1988?

As heranças da ditadura militar: violência, insegurança e opressão

Por Arthur LimaMilitante da UJR - RS OPINIÃO - O Brasil em todos seus anos como república, viveu períodos marcados pelo autoritarismo. Em 31 de...

Projeto que prevê licença para matar é debatido no congresso

O Projeto de Lei 1.595/20, já apelidado de “PL da Licença para Matar”, tem pouco a ver com uma inexistente e fantasiosa “ameaça terrorista”....

Novidades