UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

sábado, 2 de março de 2024

MOSTRANDO RESULTADOS PARA:

Disputa interimperialista está por trás dos golpes militares na África Ocidental

O golpe militar no Níger consolida a onda de novos governos militares na região do Sahel. Mais uma região do mundo se vê ameaçada...

Golpistas rasgaram a Constituição para atacar a democracia

O golpe militar planejado pela quadrilha a que pertencem esses coronéis, além de uma afronta aos eleitores, significa a ruptura com os princípios da...

Procuradoria denuncia comandantes militares por incentivar golpe no Brasil

Procuradores do RN denunciam comandantes militares de incitação. Acusação aponta que comandantes das três forças armadas são responsáveis por incentivar conflito entre os poderes...

CIA apontou risco de golpe militar no dia 8/01

CIA alertou governo Biden sobre chance de golpe de estado no dia 8, aponta jornalista. Provas de envolvimento de militares tem crescido nos últimos...

Exército prendeu Bolsonaro por 15 dias em 1986

Luiz Falcão, Comitê Central do PCR EDITORIAL - Luis Maklouf Carvalho foi um dos jornalistas mais experientes e premiados do Brasil. Foi editor dos jornais...

Projeto Nação – O Brasil em 2035: plano de poder para alguns

O que os generais estão fazendo é, em ano de eleição, acenar para o mercado financeiro e se mostrarem como homens modernos e atualizados que podem guiar o país para as elites da qual fazem parte. Bolsonaro é apenas a marionete desses militares tradicionais que se apropriaram do Exército e que governam o Brasil.

Golpismo de Bolsonaro é repudiado pelo povo organizado

Este 07 de setembro foi marcado pelos atos do Grito dos Excluídos e pelos atos golpistas convocados por Jair Bolsonaro e a extrema-direita. A diferença fundamental entre estas duas ações? Na primeira, o povo organizado em luta pela vida, pela democracia e pelo Fora Bolsonaro. Na segunda, as elites econômicas e o próprio governo financiando setores fascistas em prol de mais um golpe de Estado.

Governo Bolsonaro se esfacela e fascistas buscam decretar estado de sítio

Frente a essa situação, é necessário se preparar para ocupar as ruas esta semana, especialmente nos dias 31 de março e 1 de abril, combatendo as intenções golpistas e denunciando a data que marca o golpe militar. O estado de alerta e a mobilização popular são as únicas formas de barrar os golpistas e impedir a representação fictícia de uma apoio popular que esses genocidas nunca tiveram.

Mortes por Covid-19 aumentam com militares na Saúde

Desde junho, a força de intervenção militar no Ministério da Saúde conta com a presença de 25 oficiais, nomeados para cargos diversos na pasta, mesmo não possuindo qualquer formação ou experiência específica. Nunca na história brasileira o ministério foi dirigido por militares, nem mesmo durante os 21 anos de ditadura (1964-85). O resultado é que mais de 60 mil pessoas já morreram de Covid-19 desde que as Forças Armadas assumiram o comando da Saúde e do combate à pandemia.

Generais do Palácio e Bolsonaro tramam contra democracia

Segundo fontes ouvidas pelo jornal A Verdade em condição de anonimato, diversos oficiais de baixa patente são excomungados das discussões e até perseguidos por criticarem as posturas tomadas por Bolsonaro e o chamado gabinete do ódio.

Flávio Bolsonaro lavou dinheiro das rachadinhas com a compra de imóveis, de acordo com Ministério Público

O cerco à família Bolsonaro se torna cada vez mais estreito e as peças para entender a corrupção organizada, orientada e criada pela burguesia...

Novidades