UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

segunda-feira, 15 de julho de 2024

MOSTRANDO RESULTADOS PARA:

Movimento de Mulheres Olga Benario organiza Carnaval Sem Assédio

15 cidades, de 11 estados, receberam ações de panfletagem, festas e blocos feministas, antirracistas, antifascistas, antitransfóbicos, organizados pelo Movimento Olga Benario, mostrando que, para...

Apoio à Resistência Palestina foi o principal tema do Carnaval de BH

É urgente o cessar fogo contra o povo palestino, ampliar esta luta é uma profunda resistência ao imperialismo que assassina os povos do mundo. Renato...

Escola de samba celebra luta da classe trabalhadora em desfile na Sapucaí

Com o enredo "A nossa luta continua!", a Em Cima da Hora celebrou a luta da classe trabalhadora e denunciou a exploração na Passarela...

O carnaval é a festa do povo, e o povo clama por um mundo mais justo

Denunciando injustiças sociais de forma provocativa e alegre, as escolas de samba seguem fortemente o conselho de que “é preciso endurecer sem jamais perder...

Ocupação de Mulheres Anatália de Souza lança bloco de Carnaval como ato contra a violência às mulheres

Ocupação de Mulheres Anatália de Souza Melo Alves, organizada pelo Movimento de Mulheres Olga Benario, lança o “Bloco das Baderneiras” para levar à folia...

Carnaval de luta: ClandesTinas desfila em BH

Redação MG MULHERES - O Carnaval de Belo Horizonte se tornou importante no cenário nacional a partir de 2009, quando organizações populares, artistas, ativistas e...

Coletivo LGBTIA+ de Franca sofre com o descaso da Prefeitura

Após três edições bem-sucedidas do evento “Bloco das POC” o coletivo procurou novamente a prefeitura e encontrou as portas fechadas.

Polícia Militar censura bandas no carnaval de Pernambuco

Que fique claro que enquanto eles vêm com spray de pimenta e bala de borracha, nós resistiremos com arte, cultura e muita barricada.

“Clandestinas” inicia cortejo no carnaval: um bloco feminista e revolucionário da Casa Tina Martins

Parido das entranhas da primeira e mais significativa Ocupação de Mulheres da América Latina, das contradições e dificuldades das próprias mulheres vítimas da violência a que são submetidas, o bloco “Clandestinas” é a expressão da luta e da resistência das mulheres.

Novidades