UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

sábado, 20 de abril de 2024

MOSTRANDO RESULTADOS PARA:

Esquerda vence eleições na Bolívia

Desde que Jeanine Añez e as milícias fascistas tomaram o poder no golpe de novembro de 2019 a Bolívia tem passado por uma profunda crise econômica. O desemprego aumentou e o governo começou a aplicar a cartilha neoliberal defendida pela Embaixada dos EUA, que deu amplo apoio ao movimento golpista. Na pandemia, além de superfaturar itens de saúde, o governo golpista impôs uma gestão desastrosa que levou à morte de 8,4 mil pessoas. Nas grandes cidades, as milícias fascistas organizadas por apoiadores de Camacho e Añez começaram a perseguir militantes de esquerda. Mas, mesmo nesse quadro, os trabalhadores da cidade e do campo na Bolívia não pararam sua mobilização. Foram meses com greves, bloqueios de estradas mobilizações sociais reivindicando a saída do governo golpista. Nas eleições deste dia 18 isso se refletiu com um comparecimento acima dos 80%, o que pode ter consolidado a virtual vitória de Arce.

Raúl Marco, uma vida dedicada à revolução na Espanha e no mundo

A história dos últimos 60 anos do movimento comunista e revolucionário na Espanha tem em Raúl Marco uma personagem de primeira linha. Comunista de ideias firmes e conduta revolucionária, Raúl, ao lado de Elena Ódena e outros camaradas, lutou contra o revisionismo e a traição do PCE de Santiago Carrillo e ajudou a fundar em 1964 o PCE (ML) e, algum tempo depois, a Frente Revolucionária Antifascista e Patriótica (FRAP), destacada organização de combate armado à ditadura fascista do general Francisco Franco.

CIPOML: “Os trabalhadores e o povo arcam com o peso da pior crise das últimas décadas”

“Na realidade, a burguesia internacional busca aproveitar as atuais circunstâncias para encontrar novos mecanismos de acumulação, ou seja, de elevar a níveis mais altos a exploração do trabalho assalariado, a extração de mais-valia.”

Governo turco condena jornalista do Evrensel a 10 anos e 6 meses de prisão

Yusuf Karataş, colunista e jornalista do jornal Evrensel, foi condenado a 10 anos e 6 meses de prisão por participar do ‘Congresso da Sociedade Democrática (DTK)’ em 2011.

Ato na Paulista exige justiça e paz na Colômbia

No último domingo (27), colombianos que moram no Brasil, organizados pelo Coletivo Rueda La Palabra Paz realizaram uma ato simbólico na Avenida Paulista. Denunciando a violência e estado de perseguição que se instaurou na Colômbia e que é reforçado pelo governo de Iván Dúque. O ato inclusive contou com a presença de refugiados políticos do país.

Movimentos do México exigem justiça para líder camponês Tomáz Martinez Pinacho

No dia 28 de agosto, sob forte chuva e gritando repetidas palavras de ordem, os militantes da Frente Popular Revolucionária (FPR) renderam homenagem a seu dirigente destacado, Tomás Martínez Pinacho, em frente ao Palácio Municipal de Miahuatlán, no Estado de Oaxaca.

Bolívia: trabalhadores contra governo golpista

O mês de agosto foi marcado por imensas mobilizações operárias, camponesas e populares em várias cidades bolivianas. Utilizando da tradicional tática de luta de bloqueios de estradas, trabalhadores de vários setores fizeram greves e passeatas exigindo eleições e a saída do governo fascista de Jeanine Añez, imposto por um golpe militar-policial em novembro do ano passado.

CIPOML: “Vamos nos unir na luta pelo socialismo para que assim possamos viver!”

O socialismo é o único sistema que nos tirará do sufoco, é o único sistema que nos permitirá viver! Ele acabará com a violência, insegurança, desigualdade salarial, crises econômicas, guerras, homofobia, êxodos, xenofobia, colonizações, neoliberalismo e destruição da natureza!

Enver Hoxha: “Os trágicos eventos no Chile, uma lição para os revolucionários no mundo”

Nós acreditamos que os acontecimentos no Chile, o ataque fascista da reação contra as vitórias democráticas do povo chileno, a brutal interferência do Imperialismo Americano e seu suporte a junta militar de Pinochet vai encorajar as pessoas de todo o mundo a serem vigilantes, a resolutamente rejeitarem os slogans imperialistas, revisionistas e oportunistas de toda matiz e mobilizar todas as suas forças em uma corajosa defesa de sua soberania nacional e sua independência, paz e segurança.

Toda solidariedade ao povo malinês! Fora militares franceses do Mali!

Em 18 de agosto, um golpe de estado foi promovido por altos oficiais do exército de Mali, derrubando o presidente, Ibrahim Boubacar Keïta (IBK),...

A tentativa de intervenção do imperialismo em Belarus

Nos regimes instaurados por meio “das armas e a sorte dos outros”, o filósofo Maquiavel comenta que “estes se sustentam simplesmente graças à vontade e à sorte de quem lhes concedeu o Estado”.

Novidades