UM JORNAL DOS TRABALHADORES NA LUTA PELO SOCIALISMO

quarta-feira, 6 de julho de 2022

19º e 20º dias: programa de formação para a quarentena

Alexandra Kollontai foi uma grande dirigente comunista russa

Redação Piauí
Jornal A Verdade

BRASIL – Devido à atual situação em que o mundo se encontra, em meio à pandemia do Covid-19, em que a disseminação de fake news, a falta de informação tem afetado diretamente a todos, com impacto acentuado em pessoas que sofrem com crises de ansiedade e/ou de pânico. O isolamento social, que é necessário agora, acaba por piorar ainda mais esse quadro de desinformação e medo.

Pensando nisso e na necessidade de compreensão de quais fatores levaram a esse contexto social , o jornal A Verdade está fazendo uma programação com indicações de textos e filmes para ajudar na formação política de seus leitores no período da quarentena.

LEIA MAIS:
Programa de Formação Política Para a Quarentena

3º e 4º Dia: Programa de formação para a quarentena

5º e 6º Dia: Programa de formação para a quarentena

7º e 8º dias: programa de formação para a quarentena

9º e 10º dias: programa de formação para a quarentena

11º e 12º dias: programa de formação para a quarentena

13º e 14º dias: programa de formação para a quarentena

15º e 16º dias: programa de formação para a quarentena

17º e 18º dias: programa de formação para a quarentena

Divulgaremos essa programação a cada dois dias aqui em nosso site. Confira a indicação para as próximas 48 horas.

19º DIA:

FILME

Bicho de Sete Cabeças

No Brasil, Bicho de Sete Cabeças fez cerca de 450 mil espectadores nos cinemas e, quando exibido na Rede Globo, atingiu média de 37 pontos de audiência. O longa também recebeu 46 prêmios nacionais e internacionais.

O filme retrata o Wilson (Othon Bastos) e seu filho Neto (Rodrigo Santoro), que possuem um relacionamento difícil, com um vazio entre eles aumentando cada vez mais. Seu Wilson despreza o mundo de Neto e este não suporta a presença do pai. A situação entre os dois atinge seu limite, o pai sentindo que está perdendo o controle, resolve trancafiá-lo num hospital psiquiátrico. No manicômio, Neto conhece uma realidade desumana e vive emoções e horrores que ele nunca imaginou que pudessem existir. O roteiro foi inspirado no livro “Canto dos Malditos” de Austregésilo Carrano.

84 min / Drama

Direção: Laís Bodanzky

LINK NO YOUTUBE:

TRAILER:

https://www.youtube.com/watch?v=lBbSQU7mmGA

FILME:

 

TEXTO

O Comunismo e a Família

Alexandra Kollontai

Alexandra Kollontai foi uma grande dirigente comunista russa que teve um papel importante na construção do socialismo. Neste artigo “O comunismo e a Família” publicado na revista Kommunistka (Mulher Comunista), faz uma crítica dura ao reflexo do capitalismo nas famílias, apontando algumas características desta família constituída numa sociedade burguesa, onde coloca uma pesada carga em cima das mulheres com uma dupla ou tripla jornada e uma serie de opressões.

Também demonstra vários avanços que a revolução socialista possibilitou as mulheres com apenas 3 anos do triunfo, em 1920, a exemplo o direito ao divórcio. O Estado Socialista se encarrega “da obrigação de assegurar a subsistência a todas as mães” que não precisem depender do marido para se sustentarem, com toda uma estrutura do Estado através de creches, educação gratuita e de qualidade para seus filhos, entre outras iniciativas que possibilita melhores condições para as mulheres.

O artigo apresenta características da família no socialismo, afirma para a juventude “não tenham medo do matrimônio, já não é mais uma cadeia para o homem e a mulher da classe trabalhadora.” Demonstrando que a família reflete as características do sistema vigente, “sobre as ruínas da velha vida familiar, veremos ressurgir uma nova forma de família que suporá relações completamente diferentes entre o homem e a mulher, baseadas em uma união de afetos e camaradagem” relações baseadas em afetos, amor e sentimentos profundos e não pelos interesses financeiros que mais se parece um contrato, ou seja, “o matrimônio ficará purificado de todos seus elementos materiais, de todos os cálculos de dinheiros que constituem a repugnante mancha da vida familiar de nosso tempo”.

ARQUIVOS: O Comunismo e a Família – formatado

 

 

20º DIA:

FILME

UTOPIA E BARBARIE

Documentário de Silvio Tendler, apresenta em escala cronológica uma revisão sobre os eventos políticos, manifestações marcantes e  transformações econômicas que, desde a 2ª Guerra Mundial, elevaram o risco do desaparecimento dos sonhos de igualdade, justiça e harmonia, proporcionado pelo avanço do imperialismo.

2h 01 min / Documentário

Direção: Silvio Tendler

LINK DO FILME YOUTUBE:

TRAILER:

https://www.youtube.com/watch?v=kcWucAUWQOA

 FILME:

 

TEXTO

Marxista ou robô burguês?

Lula Falcão

É um texto de Lula Falcão, redator chefe do Jornal a Verdade e membro do Comitê Central do PCR. Já apresentamos outros textos dele como indicação de leitura neste programa de formação na quarentena.

O Artigo foi publicado na edição nº 104 do Jornal A Verdade de 2009, onde ele apresenta uma crítica as deturpações e ao reformismo do marxismo que marca diversos partidos, tido como de esquerda, em especial o Partido dos trabalhadores (PT), partindo do discurso feito pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para dezenas de empresários, na abertura da 29ª Reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), no dia 5 de março de 2009, onde apresenta um profundo descontentamento, dele e de seu partido ao Manifesto do Partido Comunista e a Marx. O texto então apresenta uma análise sobre a veracidade das acusações e principalmente a quem elas servem.

É importante o estudo deste texto, pois são acusações frequentes feitas a Marx e o marxismo, e é fundamental esclarecer e reafirmar a atualidade e profundidade do marxismo.

“No entanto, embora nele não esteja escrito tudo o que cada um deva fazer, com certeza – se o que nele está escrito fosse cumprido pelos atuais governantes – não existiriam no mundo miséria, fome, guerras, desemprego e, tampouco, crises econômicas.”

ARQUIVO: Marxista ou robô burguês lula – formatado

Outros Artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias recentes